27.7 C
Araçatuba
terça-feira, agosto 16, 2022

Uma realização completa no amor e no trabalho

Para eles, poder vivenciar tudo isso compensa a saudade, as dificuldades de adaptação e, muitas vezes, a solidão vivenciada longe da pátria.

É o caso de Laert e Elza Hiroto Kinjo. O sonho de conhecer a terra dos ancestrais e a busca por uma vida melhor uniram esse casal de brasileiros lá no Japão.

Elza nasceu em Guararapes, em uma das famílias mais tradicionais da região, a família Yamamoto. Formada em ciências contábeis, vivia uma vida sem luxos, porém estável, com seus familiares.

Apesar da tranquilidade, um sonho inquietava Elza. Ela queria conhecer a terra de seus ancestrais e, em 1993, decidiu se mudar para o Japão para realizar esse grande desejo.

A história de Laert foi diferente. Paulistano da Vila Carrão, São Paulo, ele vivia no reduto dos Okinawanos – descendentes de japoneses da província de Okinawa.

Protético, ofício que herdara de seu pai, encontrou muitas dificuldades devido à instabilidade econômica, inflação descontrolada e falta de segurança.

Sonhando em ter melhores condições de vida, Laert desembarcou na terra do sol nascente em 2004.

Há 10 anos, eles se encontraram. “Nos conhecemos e estaremos juntos por toda a eternidade”, afirma Laert, que diz que sua vida se divide em antes e depois de conhecer Elza.

Dessa união não nasceu somente uma família, mas também um negócio que auxilia outros brasileiros que, como eles, vivem no Japão.

“Sempre tivemos o objetivo fazer algo pela comunidade brasileira e desse sonho nasceu nossa empresa, a Ganha Tempo JP Despachante”, explicou Laert.

O empreendimento atende a comunidade brasileira no Japão, levando orientação, informação e suporte, com o apoio do Consulado Brasileiro no Japão.

A empresa conta com uma unidade móvel equipada com um mini estúdio para fotos de documentos, inclusive para passaporte, computadores, impressora e acesso a internet.

Laert e Elza realizam plantões em todo o território japonês atendendo a comunidade brasileira. “Atendemos diversas famílias em todo o Japão ajudando com serviços como, por exemplo, de imigração e consulado, vistos, procurações, traduções, aposentadoria e documentos em geral”, explica o casal.

Além de ganhar a vida com o trabalho, ele se tornou uma fonte de imensa satisfação para Laert e Elza. “É muito gratificante para nós ajudar nossos conterrâneos. Além disso, viajar pelo Japão e fotografar as belezas daqui se tornou um hobbie”, afirma Laerte.

Karen Mendes

Ultimas Noticias