PRESENÇA - Reinaldo Azambuja e o secretário Sérgio Murilo acompanharam ativação de novo drive-thru em Campo Grande CHICO RIBEIRO

Estados do Brasil Central articulam compra conjunta de vacinas contra covid-19

Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – TRÊS LAGOAS

O governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, anunciou nesta quarta-feira (7) que os estados integrantes do Consórcio de Desenvolvimento do Brasil Central articulam a compra conjunta de vacinas contra a covid-19 para agilizar o processo de imunização dos brasileiros e contribuir com a retomada da economia.

Fazem parte do grupo os estados de Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondônia e Tocantins, além do Distrito Federal.

“Estamos conversando com Consórcio Brasil Central e vendo a possibilidade dessa compra conjunta de vacinas pelos estados, a exemplo do que foi feito pelo Fórum dos Governadores do Nordeste. Vamos buscar todas as ações possíveis”, revelou Reinaldo Azambuja. Segundo ele, já estão agendadas para a próxima semana visitas às fabricantes dos imunizantes.

Ainda de acordo com o governador, a dinâmica de trabalho agora é a busca por novas doses. “Está prevista pelo Ministério da Saúde a distribuição de 26 milhões de doses para todo o Brasil em abril. Esperamos avançar ainda mais, ampliando a vacinação e criando uma base protetiva na população para diminuir a incidência de internações e de mortes”, completou Reinaldo Azambuja.

Mato Grosso do Sul deve receber nesta quinta-feira (8) o décimo segundo lote de vacinas contra a covid-19. Ainda não foi divulgada a quantidade exata de imunizantes que será enviada ao Estado nesta remessa. Entretanto, conforme dados da Secretaria de Estado de Saúde (SES), Mato Grosso do Sul já recebeu mais de 576 mil doses de vacina contra a covid-19.

Segundo dados do Consórcio de Veículos de Imprensa, formado pelos jornais Folha de S. Paulo, UOL, O Estado de S. Paulo, O Globo, G1 e Extra, Mato Grosso do Sul é o estado brasileiro com melhor desempenho na imunização com 13,22% da população vacinada com a primeira dose – o equivalente a 371.351 pessoas. O segundo lugar no ranking é ocupado pela Bahia, que já vacinou 11,83% da população.

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Levantamento mostra que óbitos por covid aumentaram entre pessoas mais jovens e sem comorbidades

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – TRÊS LAGOAS Três Lagoas apresentou recentemente dados que comprovam que …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *