Autônoma é presa após esfaquear o marido

Compartilhe esta notícia!

Uma autônoma de 31 anos foi presa na noite de terça-feira (13) depois de esfaquear o marido, um auxiliar de serviços gerais de 39 anos, na residência em que moram localizada na rua Rubens Massaroto, no bairro São José em Araçatuba. A vítima foi internada na Santa Casa.

De acordo com informações do boletim de ocorrência, os policiais militares estavam na base da Polícia Militar do bairro quando a vítima apareceu sangrando no local gritando por socorro e sangrando no lado direito do tórax. O homem contou em depoimento que havia acabado de chegar do trabalho, encontrou a mulher sob efeito de entorpecentes, tiveram uma discussão e em determinado momento a suspeita foi em direção a ele. Para contê-la, o declarante a empurrou.

Nesse momento, a indiciada se apoderou de uma faca, saiu correndo atrás do auxiliar e o golpeou no tórax. No momento em que os PMs a encontraram, a mulher ainda continuava com a faca nas mãos, do outro lado da rua. Ao ver a equipe, ela saiu correndo, mas foi contida e abordada.

Ao ser questionada, a investigada confessou o crime e revelou que gostaria que o companheiro morresse. O homem foi socorrido por uma unidade do Resgate consciente e deu entrada na Santa Casa. O médico que realizou o atendimento informou que houve a necessidade de colocação de dreno e faria uma tomografia computadorizada para verificar a profundidade do ferimento. O estado de saúde não foi informado.

Diante das evidências, a autônoma recebeu voz de prisão em flagrante e foi levada até a delegacia para prestar esclarecimentos. O delegado plantonista manteve a detenção por tentativa de homicídio e a deixou à disposição da Justiça. A Polícia Civil abriu inquérito para dar prosseguimento aos trabalhos investigativos.


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Homem condenado no Rio de Janeiro é preso em Três Lagoas

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – TRÊS LAGOAS Pouco depois das 6 horas dessa quinta-feira, em …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *