GRANIZO - Houve queda de granizo durante a tempestade

Araçatuba registrou nuvem de areia e chuva de 39 milímetros no domingo

Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

Conforme os órgãos climáticos já previam – matéria do jornal O LIBERAL REGIONAL do último sábado já informava sobre a grande chance de chuva no final de semana – choveu forte em Araçatuba entre o final da tarde e o começo da noite de domingo (26). Precipitação esta que foi bastante comemorada, mas causou alguns transtornos na região. Segundo o Ciiagro, o Centro Integrado de Informações Meteorológicas, choveu 39 milímetros em Araçatuba no domingo.
Por volta de 16h30, uma nuvem de areia tomou conta da cidade trazida pelos fortes ventos, deixando o tempo bem fechado e escuro antes da hora. A nuvem de poeira só baixou com o início da chuva, que começou próximo das 17h, e chegou a causar algumas enxurradas em algumas ruas e alguns incidentes.
Segundo a meteorologista Daniela Freitas, do site Clima Tempo, afirmou que é comum esta formação de nuvem de poeira durante o período mais seco do ano. O fenômeno foi observado em outras cidades do interior de SP, principalmente em Ribeirão Preto, onde os ventos atingiram 100km/h.

A redação do jornal O LIBERAL REGIONAL recebeu imagens de Araçatuba durante a chuva forte. Um casal tentava atravessar uma rua não identificada nas imediações do bairro Novo Paraíso. A rua estava tomada pela água da chuva. Depois de hesitar, o carro conseguiu atravessar um cruzamento onde a enxurrada era mais forte.
Em outra imagem, um morador do bairro da Prata registrou a força dos ventos e da chuva, que balançava as árvores de sua propriedade, porém, aparentemente sem causar nenhum estrago.
Outro morador da Vila Alba registrou chuva de granizo em sua casa. Ao fazer imagens de seu quintal, era possível ver as pequenas “pedrinhas” que caíram junto com a chuva, durante o período de maior intensidade da precipitação.
De acordo com o CIIAGRO, foram 39,1mm de chuva neste domingo em Araçatuba. Ainda sim, a temperatura máxima foi alta, na casa dos 35 graus celsius. A umidade relativa do ar melhorou e chegou a picos de 97%, já acima do recomendado pela Organização Mundial da Saúde para a vida humana, que é de pelo menos 60%.

Ocorrências

De acordo com o Corpo de Bombeiros, durante os ventos fortes e a chuva, foram registrados 10 chamados de quedas de árvores na área urbana de Araçatuba. Algumas delas atingiram postes de energia da CPFL Paulista, deixando bairros da cidade sem fornecimento de energia elétrica até o final da noite. Não houve registro de feridos.

O bairro Boa Vista foi um dos que ficou sem energia elétrica por conta de interferências causadas por quedas de árvores. Mas a situação mais grave foi registrada na zona sul de Araçatuba, em bairros como o Iporã, que chegou a ficar 6 horas sem energia.

De acordo com um morador do bairro que conversou com a reportagem, a energia acabou por volta das 17h, bem no começo da chuva, e só foi retornar no local perto das 23h.

Houve também uma ocorrência registrada em um restaurante da cidade de Buritama, na região de Araçatuba. Com a força dos ventos, telhas do local foram arrancadas, fazendo a chuva danificar mesas e cadeiras do local. O prejuízo financeiro do estabelecimento não foi contabilizado.

Previsão

Não há previsão de chuva para esta terça-feira (28) na região de Araçatuba. A temperatura deve ficar entre 20 e 36 graus durante o dia, com umidade relativa do ar ficando entre 14% e 47%.

Há possibilidade de 90% de chuva na quarta (29) e na sexta (1), sendo que na quarta a previsão é de que chova até 8 milímetros e na sexta 15 milímetros. Na quarta a temperatura deve ficar entre 21 e 34 graus.

 

PRATA – Bairro da Prata registrou forte chuva com vento
AREIA – Tempestade de areia foi vista em várias cidades do interior, incluindo Araçatuba
TEMPESTADE – Araçatuba teve 39 milímetros de chuva

Compartilhe esta notícia!

Veja também

Shopping faz entrega de mil exemplares de livro em escolas e entidades de Araçatuba

Compartilhe esta notícia!DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA Como parte da programação do mês das crianças, a …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *