REPROVAÇÃO - TCE  é desfavorável à aprovação das contas de Gilson Pimentel

Vereadores vão votar contas de ex-prefeito que foram rejeitadas pelo Tribunal do Estado

Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – MURUTINGA DO SUL

Está marcada para a próxima segunda-feira (13), a sessão da Câmara Municipal de Murutinga do Sul para votação das contas do ex-prefeito Gilson Pimentel relativas a 2017. O Tribunal de Contas do Estado, devido às muitas irregularidades apontadas pelos auditores, decidiu pela reprovação das contas. Agora, a expectativa na cidade é em relação ao posicionamento dos vereadores. O ex-prefeito Pimentel tem quatro aliados na Câmara. A dúvida é se os vereadores vão seguir a decisão do TCE ou vão ignorar a decisão do colegiado para proteger o ex-prefeito.

O relatório apresentado pelo TCE tem uma lista de irregularidades apontadas pelos auditores, como déficit no resultado na execução orçamentária superior a R$ 483 mil, com aumento em relação ao déficit do ano anterior; sem recursos disponíveis para pagamento de dívidas de curto prazo; superou o limite de despesa laboral, contrariando a Lei de Responsabilidade Fiscal; cargos comissionados irregulares; pagamento indevido de horas não trabalhadas (servidora trabalhando meio período e recebendo jornal integral e servidora acumulando três cargos indevidamente); acúmulo de férias por servidores; Prefeitura pagou com atraso os empréstimos consignados já descontados, onerando os cofres públicos e várias outras irregularidades.

O Ministério Público de Contas deu parecer desfavorável pelo desequilíbrio econômico-financeiro e excesso de gasto com pessoal.

Ao final, o conselheiro Dimas Ramalho, acompanhou o posicionamento unânime da auditoria e do Ministério Público de Contas e emitiu parecer desfavorável à aprovação das contas de Gilson Pimentel. Essa foi também a posição da Segunda Câmara do Tribunal de Contas.

 

VEREADORES

Os vereadores Adriano Humberto Nunes, o Maninho (PSDB), João Luiz Pachoaletto (PSDB), Jonathan Cristiano Rodrigues da Silva Sales, Anuxa Sales (PSDB) e José Ferreira da Silva Filho (PSDB), são aliados do ex-prefeito Gilson Pimentel. As atenções na cidade estão voltadas para estes vereadores e de como será o posicionamento em relação às contas do ex-prefeito. O relatório do TCE é bastante contundente em relação às irregularidades cometidas. 

 

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Polícia Rodoviária Federal apreende quase uma tonelada de maconha em Penápolis

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – PENÁPOLIS No início da tarde de domingo (26), equipe da …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *