Lins tem noite violenta com um assassinato e três tentativas de homicídio

Compartilhe esta notícia!

A noite de sexta-feira (13) e madrugada de sábado (14) foi de violência em Lins. Uma pessoa foi assassinada e outras três baleadas em um intervalo de pouco mais de duas horas. Segundo informações da Polícia Civil, os casos não teriam relação.

O homicídio ocorreu por volta das 20h30 na rua Angelina Albanese, no Jardim Primavera. A reportagem apurou que o estudante Ewerton Felipe Caires da Silva, de 18 anos, foi atingido por um golpe de faca no tórax. Ele chegou a ser socorrido com vida até a Santa Casa, mas não resistiu ao ferimento e morreu.

Os policiais militares foram acionados para o local onde o crime teria ocorrido, mas não conseguiram encontrar a faca utilizada no assassinato e nenhuma testemunha que pudesse colaborar com as investigações. A autoria ainda é um mistério.

BALEADOS

Por volta das 22h um entregador de 38 anos foi baleado na rua Moacir Ribeiro Ferreira, no bairro Teissuke Kumassaka. Segundo a polícia, o homem estava conversando com alguns amigos na rua quando, um motociclista desconhecido se aproximou, sacou uma arma e passou a disparar. Um tiro atingiu o abdômen da vítima. Ela foi socorrida até a Santa Casa, onde permaneceu hospitalizada até o fechamento dessa edição. O autor conseguiu fugir e não foi encontrado.

Já por volta de meia noite, mais um caso de violência. Dessa vez, no cruzamento entre a Avenida Nilo Noronha e a rua Joaquim Nabuco, no bairro Ribeiro. Um desempregado de 22 anos foi atingido por um disparo de arma de fogo na perna direita.

Ele contou em depoimento que estava a pé quando um veículo Nissan, de cor preta, passou e o indivíduo que estava sentado no banco de passageiro disparou três a quatro disparos em sua direção. A vítima conseguiu correr, mas mesmo assim acabou atingida. O rapaz revelou que acredita que a motivação teria relação com drogas, já que é usuário de entorpecentes.

A equipe de investigação da Polícia Civil esteve no endereço e com ajuda da perícia técnica recolheu algumas cápsulas que poderão auxiliar nas investigações a partir de agora.

Uma hora depois da segunda tentativa de assassinato, mais um rapaz foi baleado. O autônomo, de 26 anos, estava pela rua Fernão Cortês, no Parque das Américas. Ele participava de uma confraternização quando foi surpreendido por um indivíduo desconhecido, que invadiu o imóvel e atirou quatro vezes. O suspeito fugiu em seguida e também não foi localizado.

O rapaz foi socorrido em estado grave pelo Resgate até a Santa Casa de Lins, onde teve que passar por uma cirurgia de emergência. O local onde o crime ocorreu passou por perícia técnica. O laudo deverá ficar pronto em até 30 dias. Em um primeiro momento, a polícia acredita que os casos não tenham relação, mas irá investigar essa possibilidade por meio de um inquérito.

 

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Advogado araçatubense morre em acidente na Rondon

Compartilhe esta notícia!O advogado araçatubense Madson Luís Brito Cardoso, 50 anos, morreu em acidente ocorrido …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *