14.4 C
Araçatuba
quarta-feira, maio 18, 2022

Guerreiro entrega canalização para salvar a 1ª Lagoa

DA REDAÇÃO – TR}ES LAGOAS

O prefeito Angelo Guerreiro entregou na manhã desta sexta-feira (11) a obra de canalização para salvar a Primeira Lagoa. O Projeto foi desenvolvido pelas Secretarias Municipais de Infraestrutura, Transporte e Trânsito (SEINTRA) e Meio Ambiente e Agronegócio (SEMEA).
Guerreiro destacou que a redução do nível de água da Primeira Lagoa era uma grande preocupação e para sanar este problema foi implantada a canalização entre as lagoas, o que vai equilibrar o volume de água.
O promotor do Meio Ambiente Antônio Carlos Garcia de Oliveira, destacou os avanços que estão acontecendo em Três Lagoas, trazendo melhoria de vida para a população sem deixar de se preocupar com a natureza.
O presidente da Câmara, Cassiano Maia, representando os vereadores de Três Lagoas, ressaltou o comprometimento do prefeito com o Município. Cassiano ainda pontuou que os trabalhos são realizados por um grupo de pessoas comprometidas e criativas, empenhadas em entregar projetos de excelência para o Município.
O secretário de Infraestrutura Transporte e Trânsito, Adriano Barreto, explicou que no decorrer dos últimos meses, foi possível notar que mesmo com o volume de chuvas estando dentro do padrão para o período de início do ano, o volume da Primeira Lagoa apresentou um nível muito abaixo do normal, e vem reduzindo com perspectiva até de secar, nos próximos períodos de estiagem, diferente do que acontece com a Segunda lagoa, já que recebe boa parte da drenagem da Egídio Thomé, Alto da Boa Vista e adjacências, o que fez com que o nível de água subisse consideravelmente, inundando até parte da pista lateral de acesso.
Adriano pontuou que esta obra é completamente viável, sem comprometimento das Lagoas. O secretário destaca ainda que é importante realizar a obra aproveitando o período de chuvas.
No local já havia uma tubulação para manter o nível de equilíbrio da lâmina d’água das lagoas, porém como houve redução de nível e está tubulação ficou sem utilização. Neste cenário, foi desenvolvido o projeto de canalização, que está restabelecendo essa tubulação como vasos comunicantes, de forma que os níveis das águas de ambas as lagoas se equilibrem.
Outros estudos estão sendo realizados para corrigir o escoamento pluvial que foi modificado ao longo dos anos com a

Ultimas Noticias