MOVIMENTO - Consumidores foram ao comércio de Araçatuba em busca de trocas e novas compras

Troca de presentes marca movimento comercial de Araçatuba na última semana do ano

Diego Fernandes – Araçatuba

A tradicional temporada de troca de mercadorias foi aberta nesta segunda-feira (27) no comércio de Araçatuba e da região. Após o período do Natal, o principal para o varejo, muitas pessoas buscam novamente as lojas para realizar a troca do produtos.
Nesta segunda-feira (27), a movimentação era considerada boa no horário do almoço no calçadão, período em que a reportagem esteve no local. Muitas pessoas que foram trocar presentes que ganharam no Natal, aproveitaram também para olhar outros produtos no comércio.
Muitas pessoas não sabem, porém, que, pela lei, as lojas não são obrigadas a fazer a troca de produtos, porém, muitas delas abrem esse precedente para fidelizar os clientes e manter a cordialidade nos negócios.
De acordo com Carlos Eduardo Spegiorin, que é diretor do Procon de Araçatuba, é importante que os clientes que forem ao comércio na região para realizar as trocas, fiquem atentos às regras de cada loja como uma forma de retribuir essa “gentileza” dos comerciantes ao realizar a troca de um produto.
“Embora a lei não obrigue a realizar a troca porque não gostou, se ele (o lojista) ofertou essa possibilidade para o consumidor na hora da venda, ele tem que cumprir com essa oferta, mas é bom que o consumidor siga as regras estabelecidas, como prazo, o produto estar na embalagem, algumas lojas determinam alguns dias para trocas e não fazem em outros, então é preciso que o consumidor se atente a essas regras”, explicou Spegiorin.
Para aqueles consumidores que resolveram comprar pela internet, a única diferença é que as próprias lojas já costumam oferecer a opção de desistência enquanto o produto ainda não foi enviado, o que facilita para o consumidor.
“A troca é uma gentileza. O que as compras na internet oferecem é a possibilidade de desistência da compra. Se você não quer aquele produto, você pode desistir, devolve, a loja é obrigada a te devolver o dinheiro imediatamente”, disse o diretor do Procon de Araçatuba.
No caso de produtos com defeito, como por exemplo brinquedos ou eletroeletrônicos, de acordo com Spegiorin, os consumidores não possuem direito à troca imediata na loja, já que os produtos duráveis possuem garantia de 90 dias.
O que geralmente é feito é que este produto seja encaminhado primeiramente à assistência técnica, que terá 30 dias para devolver o produto ao consumidor. Apenas após esse período, caso o problema não tenha sido sanado, é que o consumidor pode solicitar a troca na loja, ou a devolução do dinheiro ou ainda o abatimento do valor em uma nova compra realizada.

Veja também

Araçatuba bate novo recorde de infecções em 24 horas pela Covid-19

Araçatuba bateu novo recorde de casos positivos de Covid-19 em apenas 24 horas. Foram constatadas …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *