20.9 C
Araçatuba
domingo, julho 3, 2022

Santa Casa de Araçatuba terá evento para estimular amamentação e doação

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA

19 de maio é o Dia Mundial da Doação de Leite Humano. A data foi instituída pela para sensibilizar as sociedades em relação à importância da doação de leite humano, e como iniciativa para ampliar a conscientização da utilidade do aleitamento materno.

Para comemorar a data, o Posto de Coleta de Leite Humano da Santa Casa de Araçatuba vai reunir mães de recém-nascidos que estão internados nas UTIs Neonatais em um evento para troca de experiências sobre amamentação e doação de leite.

O público será formado por mães que comparecem diariamente ao posto para coletar o leite que é utilizado para alimentar os seus bebês. A maioria deles é prematura e necessita de cuidados intensivos e por isso seguem internados.

 O evento será realizado no Posto de Coleta e terá palestra proferida pela pediatra Rhaisa Maschio que integra a equipe médica que atua na UTI Neonatal I, ala destinada exclusivamente aos prematuros.

 A médica vai abordar a importância do aleitamento materno e da doação do leite humano excedente da alimentação dos bebês.

 O leite é a primeira alimentação humana e fonte de nutrientes para as funções biológicas, sendo considerado o melhor alimento para os bebês, por ter papel muito importante na proteção imunológica contra doenças infecciosas, na adequação nutricional e no desenvolvimento afetivo e psicológico.

 Dentre os principais benefícios do leite materno destacam-se, a proteção da criança contra diarreias, infecções respiratórias e alergias;

e a redução em até 13% da mortalidade de crianças menores de cinco anos.·.

Muitas mães não conseguem amamentar os seus bebês. Por isso, qualquer quantidade de leite materno doada pode ajudar.

 

Posto de Coleta

 Instalado há três anos, o   Posto de Coleta de Leite Humano da Santa Casa de Araçatuba em março de 2019 oferece suporte alimentar aos bebês prematuros que necessitam de cuidados intensivos nas UTIs Neonatais e no Berçário de Cuidados Intermediários.  

A média de bebês internados nestas unidades gera demanda em torno de 2 litros de leite/dia.  O leite é coletado pelas puérperas aos seus bebês internados.  A parte excedente obtida normalmente de mães que produzem muito leite é encaminhada ao Banco de Leite de Araçatuba para ser analisado, pasteurizado e oferecido aos bebês cujas mães não produzem o alimento.

Para garantir a demanda diária, o hospital mantém equipamentos automatizados, como bombas automáticas que reduzem o tempo de coleta e permitem extração total de leite das duas mamas simultaneamente, sem causar dor ou danos aos mamilos das puérperas, e evita perda do alimento.

No período 1 dezembro de 2021 até o dia 9 de maio 2022, o Posto coletou 76.063 ml de leite humano.

 

Ultimas Noticias