20.2 C
Araçatuba
sexta-feira, junho 24, 2022

FORÇA TÁTICA APREENDE REVÓLVER E PINOS COM COCAÍNA NO PRIMAVERA

Um pintor de 29 anos foi preso em flagrante na noite de terça-feira (14) com 19 pinos contendo cocaína e um revólver de calibre 32. Os objetos estavam escondidos em um terreno baldio e na residência do rapaz, na Avenida Dois de Dezembro, no bairro Jardim Primavera, zona norte do município.
De acordo com informações do boletim de ocorrência, policiais militares da Força Tática faziam patrulhamento de rotina pela via quando avistaram o rapaz saindo de um terreno baldio em atitude suspeita. Bem em frente havia outro homem parado dentro de um veículo Renault/Logan. As equipes perceberam que pudesse estar ocorrendo a comercialização de entorpecentes e decidiram fazer a abordagem.
Na sequência, os PMs perceberam que o pintor jogou dois pinos com cocaína no chão. Ele e o amigo foram revistados, mas nada de ilícito foi localizado. O homem que estava no interior do automóvel disse que estava no local para comprar drogas do investigado. Ele foi ouvido e liberado na sequência por não existirem evidências de que ele também pudesse estar envolvido com o tráfico.
Já o indiciado acabou confessando que no terreno escondeu mais pinos. Os policiais deslocaram-se até lá e localizaram um maço de cigarros. Lá dentro havia mais 17 pinos contendo cocaína. A polícia também descobriu durante o atendimento da ocorrência que o autor morava ao lado do local da abordagem. Ele autorizou uma vistoria na residência.
Durante os trabalhos, os policiais encontraram embaixo da cama do indiciado um revólver de calibre 32 e mais dois cartuchos escondidos dentro da gaveta do quarto. O rapaz não soube dizer de quem havia comprado a arma e muito menos o motivo. Diante dessas evidências, o pintor foi encaminhado até a Central de Flagrantes, onde prestou depoimento. Ele não tinha passagens criminais.
O delegado plantonista registrou o caso como tráfico de drogas e posse irregular de arma de fogo e manteve a prisão do suspeito. Ele passou por audiência de custódia na manhã de quarta-feira (15) no Fórum do município e depois foi transferido para a cadeia pública de Penápolis, onde aguardará vaga em alguma unidade prisional da região.
Os objetos foram apreendidos e passariam por perícia técnica. A Polícia Civil abriu inquérito pelo terceiro distrito policial do município para dar andamento às investigações sobre o ocorrido e tentar descobrir a procedência da arma de fogo encontrada no imóvel do pintor.

Vitor Moretti
Araçatuba

Ultimas Noticias