28.3 C
Araçatuba
sábado, junho 25, 2022

Araçatuba se aproxima de segundo maior número de casos de dengue em 10 anos

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

Araçatuba já está se aproximando do número de casos de dengue registrado há dois anos no município apenas com os números registrados até esta sexta-feira.

De acordo com dados da vigilância epidemiológica, a cidade acumula 2.259 casos até o momento. Foram 136 ocorrências da doença somente nesta última semana na cidade.

Em 2020, Araçatuba registrou o segundo maior número de casos de dengue dos últimos 10 anos, segundo o histórico divulgado pela saúde. Naquele ano foram 2.380 ocorrências, ficando apenas atrás do ano anterior, 2019, quando a epidemia chegou a números alarmantes e alcançou 7.879 casos.

Com isso, o município se aproxima de ter o segundo maior número de casos de dengue dos últimos dez anos em 2022. 

Até o momento, o mês com o maior número de casos da doença causada pelo mosquito aedes aegypti foi em abril, quando 1.069 ocorrências foram registradas. Na sequência vem março, com 748; maio até agora tem 238; fevereiro teve 140 e janeiro 64. 

Até aqui foram duas mortes confirmadas por causa da dengue no município neste ano, ambas registradas em março, de pacientes do sexo masculino de 50 e 77 anos. Os casos foram confirmados pelo Instituto Adolfo Lutz. 

Para prevenir os casos de dengue deve-se ficar atento aos vasos de plantas, colocando areia até a borda, além de ter cuidado também com objetos que acumulam água, como pneus e bebedouros de animais.

A higienização dos recipientes de água é fundamental para a manutenção da segurança. Cuidados com o lixo e com o descarte de materiais inservíveis também são importantes. 

Escorpião

Outra preocupação do município tem sido o crescimento de casos de acidentes escorpiônicos. Nesta sexta-feira, a saúde de Araçatuba divulgou que já foram registrados 488 casos neste ano.

São 60 casos a mais em relação ao dia 6 de maio, quando foi feita a última divulgação por parte da vigilância epidemiológica.

Segundo o Centro de Controle de Zoonoses de Araçatuba, o cuidado com os escorpiões deve seguir mesmo com a queda nas temperaturas, já que o animal peçonhento se sente confortável em períodos mais secos. 

A utilização de telas nas janelas e ralos; observação cuidadosa dos sapatos antes de calçá-los ou das roupas antes de vesti-las; e o batimento de roupas de cama; além do recolhimento de entulhos, são algumas das medidas mais eficientes para evitar a surpresa de um ataque do pequeno animal.

 

 

Ultimas Noticias