21.9 C
Araçatuba
sábado, maio 21, 2022

Após temporal, secretaria limpa avenida

A Secretaria de Serviços Públicos, Água e Esgoto de Birigui atuou na quinta-feira nesta sexta-feira a retirada de excesso de lama, galhos de árvores e entulhos de trecho da avenida João Cernach, no entorno do Parque do Povo. A limpeza começou na tarde de quinta-feira (25), após a forte chuva do período da manhã.
A situação foi provocada pelo transbordamento do córrego Biriguizinho. Houve ainda pontos de alagamentos na rua Consolação, que também está recebendo limpeza, e na rua Fundadores. Nesta via, a pasta já promoveu a limpeza e desentupiu boca de lobo, que ficou cheio de entulho trazido pelas águas. Apesar dos alagamentos, não houve vítimas.

INTERDIÇÃO
Por conta de uma erosão no asfalto, um trecho da avenida João Cernach – entre a Barão do Rio Branco e a praça Anna Nunes Garcia – permanecerá interditado até ser feito o reparo. A interdição ocorreu no sentido Centro ao Parque do Povo. Segundo o Deptrans (Departamento de Trânsito e Serviços), a interdição é necessária para a segurança de todos os usuários.
Conforme o DAEE (Departamento de Água e Energia Elétrica), em apenas 30 minutos o índice pluviométrico foi de 64,7 milímetros, ou seja, choveu muito em curto período de tempo. Imagens de radar divulgadas pelo IPMet (Instituto de Pesquisas Meteorológicas) da Unesp de Bauru mostraram, às 9h15, que Birigui era a única cidade do Estado com chuva forte.

FATORES DAS ENCHENTES
De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentado os problemas com enchentes em Birigui foram intensificadas nas últimas décadas devido a vários fatores, como edificações sem áreas permeáveis; impermeabilização de áreas de preservação permanente margeando os córregos e falta de um plano de macrodrenagem no município.
Entre os fatores que potencializam os alagamentos são citados ainda a duplicação da rodovia Deputado Roberto Rolemberg (SP-461) que lança as águas pluviais na bacia do Biriguizinho; pontes que causam represamento em córregos devido ao mau dimensionamento; baixa arborização na cidade e o descarte incorreto de lixo que chega aos bueiros.
“Para combater as enchentes, estamos promovendo o alargamento e desassoreamento de um trecho do córrego Parpinelli e já temos outro trecho licenciado. Também já entramos com pedido juntos aos órgãos ambientais para o desassoreamento de um quilômetro do córrego Biriguizinho”, disse o secretário de Meio Ambiente, Juliano Salomão.
Além disso, o secretário adiantou que já foi licenciada obra de reconstrução de uma ponte nas imediações do Parque do Povo, que será executada por meio de parceria com empresários da cidade, sem custo ao município. “Estamos também captando recursos para a produção do plano de macrodrenagem, que apontará os caminhos para resolvermos essa problemática”, comentou Salomão.

DA REDAÇÃO
Birigui

Ultimas Noticias