22.6 C
Araçatuba
quarta-feira, maio 25, 2022

Fim de semana tem um assassinato e tentativa de homicídio em Araçatuba

A noite de sábado foi de violência em Araçatuba. Um assassinato e uma tentativa de homicídio foram registradas nos bairros Águas Claras e Primavera. No caso do homicídio, o autor foi preso em flagrante. A Polícia Civil investiga ambos casos.

A tentativa de homicídio ocorreu por volta das 19h40 na rua José Mauricio de Souza, no bairro Águas Claras. De acordo com informações do boletim de ocorrência, um homem de 54 anos foi atingido por quatro tiros, sendo no pescoço, braço direito e nas costas.

A vítima contou em depoimento que dirigia seu veículo Fiat/Strada pela via pública quando, em determinado momento, colidiu a picape no retrovisor do automóvel do autor. O indiciado desceu e iniciou uma discussão com a vítima. Esta disse que pagaria pelos danos, mas que naquele momento não tinha dinheiro.

Foi, então, que o suspeito sacou uma arma de fogo e disparou diversas vezes. Em seguida, fugiu em alta velocidade e até o fechamento dessa edição não tinha sido localizado. O declarante foi socorrido por populares até a Santa Casa, onde permaneceu internado. O estado de saúde dele não foi informado pela unidade hospitalar.

A área onde a tentativa de homicídio ocorreu foi isolada para o trabalho da perícia técnica. O laudo deverá ficar pronto em até 30 dias.

ASSASSINATO

Cerca de uma hora depois do caso, o eletricista Leonardo Espindola Moreira, de 19 anos, foi assassinado com dois tiros dentro do carro que conduzia pelo cruzamento entre as ruas Judith Marchareth com a São Carlos, no bairro Primavera.

De acordo com informações do boletim de ocorrência, os policiais militares faziam patrulhamento de rotina quando receberam chamado do Copom (Central de Operações da Polícia Militar) para atendimento de disparo de arma de fogo pelo endereço. Chegando lá encontraram equipes do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) tentando socorrer o rapaz.

A namorada dele estava no carro e apontou quem poderia ter sido o autor do crime, inclusive morava naquela mesma rua. A testemunha contou que estava com o namorado e a mãe dela no veículo quando a vítima foi atingida por dois disparos à queima roupa. Ele ainda conseguiu prosseguir por mais alguns metros até perder os sentidos.

Os policiais iniciaram as buscas pelo indiciado no bairro Chácaras TV até que conseguiram encontrá-lo em um imóvel alguns minutos depois. Questionado a respeito das acusações, o suspeito negou participação. Ele foi encaminhado até a delegacia e prestou esclarecimentos. Lá, ele foi reconhecido pelas testemunhas e passou por exame residuográfico.

O delegado plantonista manteve a prisão em flagrante por homicídio e o deixou à disposição da Justiça. A Polícia Civil abriu inquérito para dar andamento aos trabalhos investigativos.

 

Ultimas Noticias