Briga termina em disparos de arma de fogo

Compartilhe esta notícia!

Três pessoas, entre elas pai e filho, foram parar na delegacia depois de uma briga seguida de disparo de arma de fogo em uma casa localizada na rua Olavo Bilac, em Castilho. A ação ocorreu no início da noite de sexta-feira (26). A Polícia Civil quer saber quem está falando a verdade sobre o fato de ter disparo dentro da residência.

Segundo informações apuradas pela reportagem do jornal O LIBERAL REGIONAL, os policiais militares foram acionados para atendimento de ocorrência de disparos de arma de fogo dentro de uma casa. As equipes foram até o local e fizeram contato com o ajudante, de 20 anos. Durante busca pessoal foram localizadas quatro munições intactas de calibre 38 e duas cápsulas deflagradas do mesmo calibre.

Questionado, o jovem informou que dois homens teriam invadido o imóvel dele e dado tiros dentro da sala, que atingiram as paredes. Os envolvidos entraram em luta corporal com a vítima e a arma utilizada na ação caiu fazendo com que as munições se desprendessem do tambor. A dupla fugiu levando o revólver.

Diante dessas informações e das características físicas dos autores, os PMs passaram a fazer diligências até conseguirem localizar o primeiro investigado, de 42 anos, e o filho, de 20. Ao perceberem que seriam abordados, eles entregaram a arma, mas contaram uma versão totalmente diferente da primeira. Pai e filho disseram que a arma pertencia à vítima e que lhe foi tomada durante a discussão.

Com as evidências, o trio foi levado primeiramente ao pronto-socorro, pois apresentavam ferimentos pelo corpo por conta da briga momentos antes e, depois, foram encaminhados à delegacia. A delegada plantonista fez a apreensão do revólver para passar por perícia. Os três prestaram esclarecimentos e foram liberados na sequência. A Polícia Civil vai abrir inquérito para dar andamento aos trabalhos investigativos e saber quem contou a verdade em toda a história.


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Motorista é preso com pasta base de cocaína na Rondon

Compartilhe esta notícia!Um motorista de 32 anos, identificado pelas iniciais J.F.S., foi preso no fim …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *