14.1 C
Araçatuba
quarta-feira, agosto 10, 2022

Vasco minimiza boa sequência e chega cauteloso para enfrentar o Coritiba em casa

A terceira vitória consecutiva no Campeonato Brasileiro – sobre o Atlético Goianiense, na última quarta-feira, em Goiânia – não entusiasmou o Vasco para enfrentar o Coritiba neste sábado, às 17 horas, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, pela 30.ª rodada.

É, ao menos, o que garante Zé Ricardo. Mesmo depois das vitórias sobre Atlético Goianiense, Botafogo e Avaí e diante de um rival que vive momento difícil, ocupando apenas a 18.ª e antepenúltima posição com 31 pontos, o treinador elogia o Coritiba e cobra cautela para que o Vasco não seja surpreendido.

“A sequência é importante pela condição que deu para a gente, mas não podemos nos acomodar”, alertou o treinador. “O Coritiba vem de uma sequência difícil, mas é uma equipe que joga para frente, tem feito bons jogos. Contra o Corinthians jogou de uma forma corajosa, poderia ter conseguido resultado melhor. Estamos esperando um jogo extremamente complicado, temos que ter cautela”.

Precavido, Zé Ricardo minimiza também a possibilidade do Vasco entrar neste sábado no G7, grupo dos sete primeiros que garante uma vaga na Copa Libertadores – a equipe está em oitavo com 42 pontos, dois atrás do Botafogo. “A gente não traça objetivos a longo prazo, mas partida a partida. Vamos conquistar os pontos para conquistar coisas boas lá para frente”.

Apesar da cautela, as notícias são favoráveis para o duelo: Anderson Martins recuperou-se de uma pancada sofrida na vitória sobre o Atlético Goianiense e está confirmado, enquanto que o volante Jean retorna após cumprir suspensão e vai atuar no lugar de Bruno Paulista.

Depois da vitória sobre o Cruzeiro na última quarta-feira, com um gol contra do lateral-esquerdo Diogo Barbosa, o Coritiba aposta na retomada da sorte para manter o embalo contra o Vasco. A avaliação do elenco é de que o time vinha de boas atuações, embora a sorte não estivesse contribuindo, o que levou a uma sequência de nove partidas sem vitória na competição. Com o lance fortuito de Diogo Barbosa, porém, o Coritiba triunfou novamente, chegou aos 31 pontos, subiu para o 18.º lugar e ganhou um respiro na luta contra o rebaixamento.

E é apostando nesta mudança da sorte que o time paranaense espera confirmar a sua reação. “Acho que sim, a sorte está do nosso lado agora. Em alguns jogos, jogamos muito bem, erramos inúmeras oportunidades claras. Se pegar alguns jogos, tem vários, jogamos muito bem, tivemos muitas chances claras de gols e não fizemos”, avaliou o meia Rafael Longuine. “A gente merece contar um pouco com a sorte também”.

Surpresa na escalação do último duelo, Rafael Longuine deve ser mantido entre os titulares. Mas a equipe não contará com o meia Tiago Real, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, e com os lesionados Getterson, Alecsandro e Kleber. Matheus Galdezani, assim, pode retomar a posição no meio de campo.

VASCO X CORITIBA
 
VASCO
Martín Silva, Madson, Anderson Martins, Breno e Ramon; Jean e Wellington; Mateus Vital, Nenê e Yago Pikachu; Andrés Rios
Técnico: Zé Ricardo
CORITIBA
Wilson; Léo, Cleber Reis, Werley e Carleto; Jonas, Alan Santos, Matheus Galdezani (Anderson) e Longuine (Edinho); Rildo e Henrique Almeida
Técnico: Marcelo Oliveira
Local: Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 21 de outubro de 2017 (Sábado)
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Raphael Claus (Fifa-SP)
Assistentes: Alex Ang Ribeiro (SP) e Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo (Fifa-SP)

Da Redação

Ultimas Noticias