ALERTA - Diretores da Unimed lembram que capacidade de tratamento do hospital não é infinita

Unimed abre terceira ala de UTI para pacientes com covid

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

O hospital Unimed de Araçatuba anunciou neste final de semana a abertura da terceira ala da UTI covid para abrigar pacientes com sintomas e confirmação da covid-19. Foram abertos mais 9 leitos, que somados aos demais 24 das duas primeiras alas, aumentaram a capacidade da unidade particular para até 33 pacientes em atendimento simultâneo.

O anúncio foi feito pela diretora administrativa do hospital, Dra. Vilma Neri Shinsato, em vídeo gravado e divulgado nas redes sociais e para a imprensa no geral no último domingo (7). Durante a sua fala, a doutora lembrou que a capacidade de abertura de leitos e de tratamento não é infinita, e por isso necessita da ajuda da população para diminuir as internações.

“A capacidade de abrir novos leitos, equipar e ter pessoas capacitadas para gerenciar esse leito é finita, nós não temos um número ilimitado de leitos que possam ser abertos, neste momento nós temos que pedir a ajuda da população, para que fique em casa, respeite o isolamento, porque de fato a situação nos hospitais da região é bastante crítica”, afirmou a diretora.

Ainda na sexta-feira (5), o presidente da Unimed Araçatuba, o Dr. Flávio Garbeline de Oliveira, havia explicado como o hospital passou de 10 leitos de UTI Covid no início da pandemia para 33 leitos agora, após colocar em prática os planos de contingência previstos.

“Foi uma operação de guerra. Nós pegamos todos os nossos pacientes que estavam internados na UTI Geral, com casos de infarto, AVC, levamos todos para a recuperação do centro cirúrgico, e pegamos essa UTI que era nossa UTI geral e transformamos em UTI Covid”, afirmou o médico.

Desabafo

Dr. Garbeline já havia feito o mesmo alerta reforçado pela diretora do hospital, Dra. Vilma, de que apesar do aumento de leitos, a situação não é a mesma quanto à equipe médica e aos medicamentos.

“Não são só leitos e respiradores que são necessários, nós precisamos de pessoas que saibam administrar esses leitos, nós precisamos de funcionários que saibam tratar os pacientes, e todos nós já estamos há um ano nesta luta e estamos cansados”, desabafou Dr. Garbelini. “Nós temos um quadro de médicos e de funcionários que estão dia e noite trabalhando na luta contra o covid, mas nós precisamos diminuir a entrada de pacientes no hospital”, disse.

O presidente da Unimed Araçatuba seguiu em tom de desabafo destacando a tristeza de ver diariamente várias pessoas morrendo por conta da covid-19.

“Parece que nós que estamos aqui estamos em um mundo diferente da maioria das pessoas. Nós estamos dia a dia ficando chocados com o número de pessoas que vem morrendo. Você passa de manhã, você vê uma pessoa e você passa a tarde e aquela pessoa faleceu na UTI, isso vem nos deixando muito chocados e entristecidos”, lamentou.

Distanciamento em casa

Como dicas de prevenção ao contágio da covid-19, o Dr. Flávio Garbeline fez questão de lembrar que o distanciamento social e a máscara são armas importante para evitar a contaminação.

Porém, não é só fora de casa que o distanciamento é importante. Manter distância dos seus familiares em casa também é fundamental, segundo o médico.

“O distanciamento social não é só no seu trabalho, no supermercado, é o distanciamento também em casa, porque você não sabe se a pessoa que está do seu lado, na sua casa, está contaminado ou não e ele pode estar transmitindo”, alertou o presidente da Unimed Araçatuba.

Veja também

Atamor fará visitas a hospitais de todo o Brasil a partir de 2022; fundador pede doação de novelos de lã

Diego Fernandes – Araçatuba O grupo Atamor, de Araçatuba, que realiza ações no setor oncológico …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *