LANÇAMENTO - No Assentamento Taquara, Reinaldo Azambuja destacou a importância da inclusão digital para gerar conhecimento e oportunidades EDEMIR RODRIGUES

Reinaldo Azambuja lança programa de inclusão digital em áreas rurais de MS

Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – CAMPO GRANDE

Em Rio Brilhante, o governador Reinaldo Azambuja lançou neste sábado (21), ao lado da ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento), o programa Conecta MS, que leva internet via satélite para áreas rurais como aldeias indígenas e assentamentos. São 34 pontos de conexão em Mato Grosso do Sul, que transmitem conhecimento e desenvolvimento para áreas isoladas. Somado a um outro projeto, o TecnoSocial, são 45 locais de acesso.
Na cerimônia, no Assentamento Taquara, Reinaldo Azambuja destacou a importância da inclusão digital para gerar conhecimento e oportunidades. “Hoje temos 45 pontos de conexão, mas poderemos ter 100. Esse é o nosso desafio, abrir mais pontos para melhorar a vida das pessoas. Melhorando a conectividade, melhora tudo. É possível resolver muitas coisas, ter as aulas, o aprendizado, e se conectar com o mundo”, resumiu.
Promovida pelo Mapa, em parceria com o Ministério das Comunicações, a iniciativa Comunidades Rurais Conectadas (CRC) já levou, em Mato Grosso do Sul, computadores e conexão à rede mundial a lugares como a aldeia Tereré e o assentamento Itamaraty, que participaram do evento através da internet.
“Aqui, no maior assentamento da América Latina, vamos ter a inclusão digital dos jovens, dos nossos alunos e futuros profissionais”, contou a assentada Juliana Carrijo.
Para o secretário Eduardo Riedel (Infraestrutura), o Conecta MS, aliado a outros programas, vai provocar uma grande mudança na vida da população. “No agro não tem pequeno, médio e grande propriedades, tem demandas específicas, que passam pela infraestrutura e pela informação. Não tem como conduzir nossas ações sem conexão. Da mesma forma que estamos levando luz para o Pantanal, levamos internet para dar qualidade de vida da população”.
O secretário Jaime Verruck (Meio Ambiente, Desenvolvimento Agrário, Produção e Agricultura Familiar) explicou que a iniciativa soma-se a outros projetos de ampliação do acesso à internet às áreas com carência de conectividade e de transferência de tecnologia e inovação, como o Projeto Tecnologias Sociais para o Desenvolvimento de Territórios da Cidadania de Mato Grosso do Sul.
“Estamos entregando 34 pontos de acesso do Conecta MS, que se juntam aos 11 do projeto TecnoSocial e vão permitir a essas comunidades acessarem una série de cursos e se conectar com o mundo”, contou Jaime Verruck.
Já a ministra Tereza Cristina ressaltou que o acesso à internet vai proporcionar oportunidades de melhoria da qualidade de vida e renda aos produtores. “É uma avenida de oportunidadew que vocês terão. A comunidade vai poder interagir com outras comunidades e com o mundo. Isso é parceria, governo federal, estadual e municípios. Essa parceria que faz levar desenvolvimento”.
O prefeito de Rio Brilhante, Lucas Centenaro Foroni, também falou da importância do programa. “A conectividade consegue levar as informações, que todos precisam”. Isso melhora a produção”, declarou.
Participaram também do evento o deputado federal Beto Pereira; os estaduais Gerson Claro, Evander Vendramini e Renato Câmara; o reitor da UFMS, Marcelo Turine; além de prefeitos, vice-prefeitos e vereadores, entre outras autoridades. (Paulo Fernandes, Subcom)


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Salsaretti deve gerar até 600 empregos diretos com aumento de linha de produção em Araçatuba

Compartilhe esta notícia!  A empresa Salsaretti, um braço do grupo Predilecta, em Araçatuba, anunciou nesta …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *