20.3 C
Araçatuba
segunda-feira, junho 27, 2022

MDB LANÇA JÚNIOR MOCHI CANDIDATO A GOVERNADOR

O presidente da Assembleia Legislativa, Júnior Mochi, será o candidato do MDB ao governo do Estado. Ele substitui a senadora Simone Tebet, que renunciou à candidatura no domingo (12), após ser aclamada como candidato. Homem de partido, Mochi entendeu que era importante o MDB ter candidato próprio ao governo. Além disso, foi um pedido do ex-goveranador André Puccinelli. “Foi uma decisão difícil, mas o MDB terá candidato próprio e serei eu. Não é um momento fácil, foi surpresa, e umas das decisões mais difíceis que já tomei na minha vida”, afirmou o parlamentar após várias reuniões na cúpula emedebista.
Nesta terça-feira não foi anunciado o candidato a vice na chapa de Mochi. O nome será apresentado até as 14 horas desta quarta-feira. Uma coisa ficou definida pela cúpula do partido. No caso do vice ser do MDB, obrigatoriamente será uma mulher. Vários nomes já começaram a ser cotados para compor chapa com Mochi.
Segundo foi apurado pela reportagem, o prefeito de Costra Rica, Waldeli dos Santos, vai coordenar a campanha de Mochi ao governo do Estado. Para tando, ele irá licenciar-se do cargo.

NOME PRÓPRIO
Na carta de renúncia, Simone Tebet chegou a sugeriu o nome do procurador Sérgio Harfouche (PSC) como candidato ao governo do estado. Porém, os líderes emedebistas entenderam que era necessário ter um candidato próprio ao governo. Por conta disso, Harfouche retomou o projeto inicial de disputar uma vaga no Senado. Mesmo assim, a cúpula do MDB continua conversando para manter o PSC na coligação.

DA REDAÇÃO
Campo Grande

Ultimas Noticias