Home Cidades Incêndio destrói veículos que prestam serviços para a NET/Claro

Incêndio destrói veículos que prestam serviços para a NET/Claro

4 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

Um incêndio de grandes proporções atingiu o galpão de uma empresa que presta serviços terceirizados a clientes da NET/Claro, na rua Rubens Rego Fontão, no Parque Industrial, em Araçatuba, na madrugada dessa segunda-feira (10). Ao todo, oito veículos foram atingidos pelas chamas, cinco deles acabaram destruídos completamente.

Segundo informações apuradas pela reportagem do jornal O LIBERAL REGIONAL, a empresa de segurança responsável pelo monitoramento do local percebeu que o alarme havia disparado e acionou o gerente da empresa por volta das 2h30.

O funcionário foi direto para o local e chegando lá encontrou os veículos em chamas. Rapidamente foram acionadas as equipes do Corpo de Bombeiros. Enquanto os combatentes não chegavam, o gerente usou o hidrante para tentar amenizar o incêndio.

Em poucos minutos, os bombeiros chegaram e começaram a combater efetivamente as chamas. Foram cerca de 40 minutos de combates incessantes. Depois desse tempo, o fogo foi controlado completamente. Cinco veículos acabaram destruídos totalmente e outros três tiveram danos parciais. A estrutura do galpão não foi comprometida pelo incêndio.

INVESTIGAÇÕES

As equipes da perícia técnica estiveram na empresa durante a manhã colhendo informações e tirando fotos dos lugares atingidos. Ainda não se sabe como o incêndio começou, mas existe a suspeita de que possa ter sido em um dos automóveis estacionados, já que não havia nenhum sinal de arrombamento ou de crime. O laudo pericial deverá ficar pronto em até 30 dias. A Polícia Civil vai abrir inquérito para dar andamento às investigações.

TRANSTORNOS

A reportagem esteve na empresa logo pela manhã e apurou que existem cerca de 30 veículos prestadores de serviços para a NET/Claro no local. Além disso, mais de 50 funcionários foram prejudicados, já que não conseguiam sair para realizar os atendimentos. Os outros automóveis estavam estacionados no fundo do galpão e tinham que aguardar os veículos danificados na parte da frente serem retirados primeiro.

A empresa também estava sem energia elétrica. Na manhã desta terça-feira (11), técnicos deverão comparecer ao estabelecimento a fim de restabelecer o sistema. Existem câmeras de segurança que podem auxiliar nas investigações. Assim que a energia for restabelecida, as imagens deverão ser captadas.


Compartilhe esta notícia!