COMÉRCIO - Rede de lojas de calçados escolheu investir no calçadão de Araçatuba DIVULGAÇÃO

Com potencial regional, Araçatuba atrai investimentos em meio à pandemia

Compartilhe esta notícia!

 

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

Investir na área comercial durante o período de restrições por causa da pandemia não tem sido algo comum em boa parte dos municípios brasileiros, mas não parece ser o caso de Araçatuba, que continua sendo um polo regional visado por empresas forasteiras, de olho no grande potencial comercial do município.

Nas últimas semanas, o município recebeu a informação de dois grandes investimentos, um na área comercial e outro na área de restaurantes, que demonstram o potencial de Araçatuba e a crença em dias melhores por parte dos empresários.

Mesmo sem que a prefeitura de Araçatuba tenha políticas públicas voltadas para beneficiar a vinda de grandes empresas, através de estudos e planejamos, grupos comerciais perceberam o potencial da cidade como sede de região para decidirem instalar os seus negócios.

O gerente comercial Wellington Marques, por exemplo, deixou Presidente Epitácio para vir a Araçatuba por determinação da empresa onde trabalha, a Jorrovi Calçados, que está inaugurando sua primeira loja na cidade.

De acordo com ele, a empresa, que atua com mais de 10 lojas em várias cidades do Paraná, Mato Grosso do Sul, e Oeste Paulista, descobriu através de uma pesquisa que a Araçatuba seria um bom lugar para o próximo investimento do grupo.

“Fizemos uma pesquisa da região e vimos que Araçatuba é uma cidade muito boa, é um lugar bom para se morar, e o comércio é muito bom, com movimento, então temos certeza que Araçatuba precisa de uma loja de calçados completa. Temos certeza da qualidade de vida e do lugar bom que é Araçatuba”, afirmou o gerente Wellington Marques que vai comandar a primeira loja da Jorrovi na cidade, que já está instalada no calçadão da Marechal.

Nos mais de 40 dias em que o comércio de Araçatuba ficou fechado, o movimento do calçadão se resumia basicamente às óticas e lanchonetes, que seguiram com permissão de funcionamento (no caso das lanchonetes apenas com sistema take away), e aos operários que trabalhavam até algumas horas da noite para deixar tudo pronto para a inauguração da loja.

Segundo Marques, a velha máxima de que “nas grandes crises se encontram as melhores oportunidades” foi um dos mantras do grupo para manter a todo vapor as obras no prédio onde ficará a loja, mesmo em um momento em que o comércio estava todo fechado.

“Fazer investimento em plena pandemia seria algo bem complexo, porém, em momentos de crise, são momentos onde se obtém as melhores oportunidades. Acreditando nisso, decidimos fazer um investimento tão grande em meio a essa pandemia, acreditando na oportunidade e nos bons resultados que isso vai proporcionar para a nossa empresa”, afirmou o gerente, que não informou, porém, o valor investido pelo grupo na loja de Araçatuba.

A abertura da Jorrovi Calçados já está gerando cerca de 50 empregos diretos no município. Os trabalhadores já foram contratados e estavam até esta última semana em treinamento.

“Já contratamos a nossa equipe, estamos em alguns processos de treinamento para que a gente possa, no dia da inauguração, e daí pra frente, prestar o melhor atendimento para todos os nossos clientes”, completou o gerente Wellington Marques.

Atualmente, as lojas mais próximas de Araçatuba da Jorrovi Calçados eram em Presidente Prudente e Presidente Epitácio. A previsão de início das atividades da loja em Araçatuba é para o dia 26 de abril.

Rede de restaurantes

Outro investimento anunciado para Araçatuba, este na última semana, foi a instalação de um restaurante do Grupo Madero, que possui mais de 230 estabelecimentos em 16 estados do Brasil.

No estabelecimento que será inaugurado em Araçatuba no começo de 2021, a previsão de que sejam gerados até 30 empregos diretos, e o investimento na instalação da loja será de R$ 4 milhões, segundo Paulo Forte, diretor de expansão do grupo.

“Estivemos visitando a cidade e não descartamos ampliar, em breve, os investimentos, trazendo uma segunda unidade do Madero. Mas, com certeza, já temos certo que vamos abrir o Jerônimo Track”, disse Paulo Forte em depoimento à imprensa.

O grupo está analisando dois terrenos, um na avenida Brasília e outro na avenida Joaquim Pompeu de Toledo, para instalação da Jerônimo Track, uma das marcas do grupo especializada em lanches. A previsão de faturamento mensal é de R$ 500 mil.

Atualmente, a loja mais próxima de Araçatuba desta rede é em São José do Rio Preto.

 

RESTAURANTE – Direção do Grupo Madero ainda não definiu local de instalação da Jerônimo Track

Compartilhe esta notícia!

Veja também

Mais dois suspeitos de participação nos ataques a bancos de Araçatuba foram presos

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA Dois suspeitos de participação nos ataques a bancos de …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *