ZANATTA - Vereador diz que, no município, houve pacientes acometidas com covid-19 que morreram à espera de um leito de UTI

Vereador quer que prefeito explique discurso contra a abertura de leitos de UTI

Compartilhe esta notícia!

“Não adianta abrir leito de UTI, UTI, UTI. Porque, quando abrir, não vai resolver. Vocês viram que, ontem (domingo), no Fantástico, a pesquisa de que, de cada dez intubados, oito ‘vai’ (sic) a óbito. Oito morrem!”
Esse discurso foi feito pelo prefeito Dilador Borges (PSDB), no começo desta semana, com base em reportagem exibida pelo programa “Fantástico”, da TV Globo. O objetivo era explicar a aquisição de 16 veículos para a saúde com dinheiro recebido do Ministério da Saúde para combate à covid-19, mas repercussão foi negativa no meio político.
Um dia depois o pronunciamento, o vereador Lucas Zanatta (PV) protocolou requerimento de informação no qual pede explicações ao chefe do Executivo.
A manifestação ocorreu no momento mais delicado da pandemia de covid-19, com a texa de ocupação de leitos destinados a pacientes com a doença na Santa Casa de Araçatuba voltou a chegar a 100%.
O documento deverá ir à votação em plenário na sessão da próxima segunda-feira, com tendência para aprovação, uma vez que, no momento, o governo está com minoria no Legislativo.
Na semana passada, os vereadores aprovaram, por 9 a 5, a criação de CP (Comissão Processante) para investigar a aquisição dos automóveis. Se, ao final dos trabalhos, o relatório apontar a ocorrência de crime de responsabilidade, poderá ser pedida a cassação do prefeito.
Em seu pedido de informações, Zanatta afirma que o vídeo publicado pelo prefeito teve grande repercussão entre os araçatubenses, “sendo que muitos procuraram os canais de atendimento deste gabinete demonstrando grande indignação”.
O representante do Partido Verde rebate a tese de que o investimento na estrutura hospitalar não irá resolver a situação, afirmando que “em nosso município houve pacientes acometidas com covid-19 que morreram à espera de um leito de UTI”.
QUESTIONAMENTOS
Dentre os questionamentos apresentados, o parlamentar quer saber a partir de quais critérios o prefeito afirma não adiantar ter mais leitos de UTI no município. Pede ainda que a administração municipal informe qual é o percentual de morte dos pacientes que passam pelas unidades de terapia intensiva desde o início da pandemia.
Outra indagação tem como base outra informação trazida por Dilador em seu discurso, segundo a qual a compra dos 16 veículos foi feita em substituição a uma frota que, de acordo com o prefeito, estava em péssimas condições de uso. “Se havia uma frota em péssimas condições de uso, o que foi feito com esses veículos? E quantos eram?”, questiona o parlamentar.
E encerra: “Se a compra de veículos teve o intuito de proteger o cidadão das filas das UBSs, por que a restrição de tempo de abertura dos estabelecimentos dos serviços essenciais não causa a mesma preocupação, já que essas restrições causam grandes filas fora dos estabelecimentos?”

Em outro requerimento, gestão tucana terá de explicar critérios de vacinação

Também nesta semana, Lucas Zanatta protocolou requerimento em que pee esclarecimentos sobre a vacinação em Araçatuba.
No texto, ele diz que as vacinas recebidas no último dia 31 começaram a ser distribuídas somente na segunda-feira (5 de abril), após o feriado, contrariando o que outros municípios da região fizeram.
Diz ainda ter recebido reclamações no que se refere a filas, poucos locais e horários reduzidos, lembrando que um dos principais protocolos adotados na pandemia é o distanciamento social e o combate à aglomeração.
O parlamentar, então, pergunta por que há poucos locais de vacinação na cidade e o motivo de a imunização não começar às 8 horas, ao invés das 13 horas.
Por fim, pergunta quantos funcionários foram disponibilizados para efetuarem a vacinação em domicílio.

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

MS mantém liderança no ranking da OPAS como melhor Estado que vacina contra covid

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – TRÊS LAGOAS Mato Grosso do Sul segue na liderança entre …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *