ESPERA - Consumidores aguardam a vez do lado de fora para garantir peixes da semana santa Crédito: Diego Fernandes

Semana Santa aumenta vendas de peixarias de Araçatuba em até 40%

Compartilhe esta notícia!

 

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

Os peixes e frutos do mar são alimentos que tem um crescimento no consumo na época da quaresma, já que muitos cristãos católicos cumprem o período entre o carnaval e a Páscoa sem consumir outros tipos de carne.

Porém, é na Semana Santa que o consumo de peixe se intensifica. Nesta quarta-feira, o movimento em duas peixarias de Araçatuba era grande, com muita gente buscando a compra do produto para o consumo, principalmente no feriado de amanhã.

A reportagem do jornal O LIBERAL REGIONAL esteve na Peixaria Araçá no período da manhã. Por lá, havia um rígido controle para a entrada dos clientes, devido ao momento da pandemia. Foi formada uma fila do lado de fora respeitando o distanciamento, e um funcionário da loja ficava do lado de fora aferindo a temperatura e distribuindo senhas.

O protocolo utilizado pela loja diminuiu o fluxo dentro da peixaria, mantendo o ambiente seguro para as compras. O proprietário do estabelecimento, o empresário Fábio Storti, comentou que há um aumento de cerca de 40% na procura pelos seus produtos nesta época do ano e as vendas estão se mantendo altas, como já ocorreu no ano passado nesta mesma época.

“Chega em torno de 35% a 40% no aumento das vendas, nessa época aumenta bastante. O aumento é grande por causa da Semana Santa, esse aumento sempre vem”, disse o empresário.

Já na Peixaria Torquette, a reportagem do jornal O LIBERAL esteve no local no final da tarde desta quarta-feira e também constatou grande movimento.

Por lá, a fila foi organizada dentro do estabelecimento, porém mantendo o distanciamento social. Segundo um dos atentes ouvidos pela reportagem, a procura está muito grande ao longo desta semana devido ao feriado de sexta-feira.

Preços

Bastante tradicional na sexta-feira Santa, o bacalhau teve um aumento considerável em seu preço no varejo de Araçatuba em relação ao ano passado.

Por causa da alta do dólar, o produto que podia ser encontrado na semana santa de 2020 a R$ 34,90 o filé dessalgado nas peixarias de Araçatuba, subiu para R$ 49,90 neste ano, aumento de quase 43%.

Por ser um produto importado, o bacalhau sofreu forte influência da crise econômica e da desvalorização do real, que também causou aumento nos preços de outros alimentos nos últimos meses, como carne e arroz.

Com isso, o filé de tilápia passou a ser uma opção, já que é produção nacional e com isso conseguiu manter o preço no mesmo patamar do ano passado. Tanto em 2020 quanto neste ano, o filé deste pescado está sendo comercializado em Araçatuba a R$ 39,90.

“A gente trabalha bastante com o bacalhau, a própria merluza, que é a tradicional, o filé de tilápia”, citou Fábio Storti ao falar sobre os tipos de peixe que mais tiveram saída até aqui para o feriado.

Dicas

O empresário Fábio Storti deu algumas dicas de opções melhores de pescados para diferentes receitas para o feriado da sexta-feira Santa.

Ele cita que os melhores peixes para cozido são pintado, dourada branca e cascudo. Para fritar os principais são filé de tilápia, de curvina e de porquinho.

“Tem também aqueles para sashimi para quem quer fresco, temos de tilápia e de salmão”, elencou o empresário Fábio Storti.

Serviço

Apesar dos feriados nesta quinta e sexta, peixarias e supermercados funcionam normalmente respeitando as regras do decreto municipal de uma pessoa a cada 40 metros quadrados dentro do estabelecimento. Também é possível fazer as compras pelo modo delivery entrando em contato com a loja escolhida.

 

 

 

OPÇÕES – Além dos peixes tradicionais, camarões também estão tendo boa procura em Araçatuba

Compartilhe esta notícia!

Veja também

Internados e letalidade caem, mas números da pandemia seguem altos em Araçatuba

Compartilhe esta notícia!DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA Foram 145 novos casos e 3 novas mortes por …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *