DIRETORA - Em gravação, diretora fala sobre gesto de prestador de serviço que lhe emocionou

Santa Casa faz apelo por doações

Compartilhe esta notícia!

ARNON GOMES

Sexta-feira, 26 de março. Somente naquele dia, quatro pessoas haviam morrido vítimas da covid-19 na Santa Casa de Araçatuba. De um lado, lágrimas de dor por parte das famílias desses pacientes; de outro, o pranto de emoção de uma diretora do hospital que, em seu currículo, carrega respeitado histórico de voluntariado dentro da própria instituição.

Maria Ionice Zucon ficou com os olhos marejados diante de doação recebida pela Santa Casa neste que é o momento mais delicado da pandemia. Foi o custo zero por um trabalho de urgência, feito por um prestador de serviço, no setor de caldeira do hospital.

Conta Maria Ionice que, ao terminar o trabalho para o qual fora contratado, o dono da empresa e seus dois funcionários e lhe disseram:

– Olhe, não vai custar nada para a Santa Casa. Esta é a nossa forma de doar, de participar, com o nosso trabalho, com as doações…

O ato emocionou Maria Ionice, que há seis décadas é envolvida em ações de ajuda ao próximo. “Fiquei tão feliz de ver a atitude desse jovem senhor”, disse a diretora que, motivada pela cena presenciada, resolveu sensibilizar a comunidade para que atos desse tipo se multipliquem.

Em vídeo gravado e divulgado nas redes sociais uma semana após aquela contribuição, a representante da direção da unidade faz um apelo a moradores de Araçatuba e região por doações à Santa Casa.

Na gravação, ela expõe a necessidade de oxigênio para que vidas possam ser salvas na luta contra a doença transmitida pelo novo coronavírus. “Nós precisamos de cilindros de oxigênio medicinais”, enfatiza. Com o agravamento da crise sanitária, há um mês, a taxa de ocupação dos pacientes em leitos de UTI dedicados à covid-19 chegou a atingir o limite. Na tarde de ontem, estava em 81%.

Maria Ionice explica que, por ser um hospital regional de referência em casos de média e alta complexidade para 40 municípios, a estrutura precisa ser suficiente para atender todos os pacientes. “Isso porque não somos parte da rede municipal de saúde, somos prestadores de serviços para situações de gravidade e urgência. Os pacientes são encaminhados pela rede pública, após passarem por UPA (Unidade de Pronto Atendimento), UBS (Unidade Básica de Saúde) e pronto-socorro”, explicou.

As contribuições podem ser em dinheiro, insumos e alimentos para suprir o aumento de demanda por atendimentos devido à alta de casos e internações por covid-19.

Com a pandemia, disse ela, as despesas aumentaram significativamente. Dentre os exemplos citados pela diretora, está o uso de máscaras, item essencial para a proteção contra o vírus. São gastas cerca de 50 mil unidades por semana, mesma quantidade de luvas.

Para poder oferecer quatro refeições diárias a cada paciente, totalizando uma média de 45 mil pratos servidos por mês, o investimento também não é baixo. São necessários 1,4 mil quilos de arroz, 300 quilos de feijão, 300 litros de óleo, 3,6 mil litros de leite, 500 quilos de café, 1,2 mil quilos de açúcar, 100 quilos de macarrão, 995 quilos de carne, 900 quilos de verdura, 900 unidades de ovos e 880 quilos de frango. “Esta é a alimentação básica do hospital”, frisou.

A lista de despesas aumenta ainda com os enxovais: tecidos para as confecções de lençóis e fronhas, por exemplos. Isso, além dos materiais de limpeza e higiene.

TRABALHO

Muitas doações, destacou a diretora, podem ser feitas com o próprio trabalho da comunidade, a exemplo do serviço voluntário no setor de caldeira, com reformas, costuras ou, ainda, na manutenção das cadeiras de rodas, camas e equipamentos.

“É hora de darmos a união, d mostrar que Araçatuba e região têm empatia e amor ao próximo”, disse ela, que também preside a comissão de captação de recursos do hospital.

SERVIÇO

As doações podem ser feitas pelo PIX-CNPJ. Nº 43751.502/0001-67. Banco: Caixa Econômica Federal. Agência 0281/ Conta Corrente: 2655-0 (opção 003). O e-mail da Santa Casa de Araçatuba é: stadmin@terra.com.br.

 

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Judoca Araçatubense se classifica para os Jogos Escolares Brasileiros

Compartilhe esta notícia!DAVID PRATES – Araçatuba Com apenas 14 anos, a judoca multicampeã araçatubense Sofia …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *