COMPANHEIRISMO - Nivaldo e Adeliz - 52 anos de união

Nivaldo era movido pela paixão à família e ao trabalho

ANTÔNIO CRISPIM – ARAÇATUBA

Acompanhar Nivaldo Franco Bueno no trabalho não era tarefa fácil. A jornada para ele raramente era de menos de 15 horas diárias. No mesmo dia era capaz de cumprir agenda em São Paulo e Campo Grande ou Brasília. Poucas coisas o faziam reduzir esse ritmo alucinante de trabalho: um telefonema da esposa, Adeliz o chamando para a refeição, um encontro familiar ou um jogo do Corinthians. Nivaldo também gostava de se reunir com amigos e tomar um bom vinho.
Nivaldo Franco Bueno casou-se com a professora Adeliz Regina Fernandes Rocha em setembro de 1969, em Bauru. Foram 52 anos de união e de muito companheirismo. Os dois sempre estavam muito próximos. E mesmo nas viagens de negócios, os contatos eram permanentes, tudo facilitado pela modernização das comunicações.
O casal se completava com a convivência dos filhos e netos. Mesmo nas viagens de turismo, estavam sempre juntos. Da mesma forma, o casal se reunia periodicamente com casais amigos e chegaram a fazer viagens juntos.

PRAZER – Nivaldo era um apreciador de bons vinhos

Veja também

Para melhorar acolhimento Prefeitura e hospital anunciam reabertura da “Ala Covid”

DA REDAÇÃO – CASTILHO Na manhã desta segunda-feira (24), o prefeito Paulo Boaventura, ao lado …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.