Home Cidades Araçatuba Matarazzo é reaberto após 16 meses de reformas a um custo de R$ 330 mil

Matarazzo é reaberto após 16 meses de reformas a um custo de R$ 330 mil

3 minutos de leitura
Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA

Após 16 meses de reformas, o ginásio de esportes Orlando Ramalho (Matarazzo), foi reaberto na tarde de ontem para a prática esportiva, mais precisamente ginástica rítmica, vôlei, futsal e bocha. A remodelação do ginásio custou R$ 330 mil, sendo R$ 230 mil referentes a convênio com o governo federal e R$ 100 de contrapartida do município. A informação é do secretário municipal de Esporte, Lazer e Recreação, Sérgio Tumelero.
Nos 16 meses em que o Matarazzo esteve em reformas, foram reforçados quatro pilares de sustentação do teto, que também recebeu pintura anti-incêndio, as antigas caixas d’água de fibra de amianto foram trocadas por novas de plástico, todo o sistema de iluminação elétrica foi substituído e foram instaladas corrimão externo como medida de segurança. Parte da cerca de alambrado que separam as quadras do público foram refeitas. Todo o prédio recebeu pintura nova.
Tumelero explicou que as duas quadras poliesportivas receberam pintura e uma delas com tapete fixo será para uso exclusivo da ginástica rítmica, uma das modalidades que mais traz medalhas para Araçatuba. A outra, será para a prática de vôlei e futsal. A cancha de bocha recebeu pintura externa e terá a troca do encerado.
A reabertura do Matarazzo teve a presença de atletas de várias modalidades que representam o município em competições oficiais, além do prefeito Dilador Borges, da vice Edna Flor, de vereadores e representantes da Unimed, patrocinadora da ginástica rítmica. A Secretaria Estadual de Esporte também esteve representada. O Matarazzo receberá competições nos Jogos Regionais (JR) de 2020, que serão disputados em Araçatuba. Dilador garantiu, em seu discurso, que o município lutará para trazer para a cidade uma edição dos Jogos Abertos do Interior (JAIs), que reúne os classificados dos JRs e é considerada a maior competição esportiva da América Latina, conhecida como olimpíada caipira.

 


Compartilhe esta notícia!