15.4 C
Araçatuba
segunda-feira, maio 16, 2022

Ferrovia que corta a região de Araçatuba pode retomar transporte no segundo semestre

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

 

A passagem de trens pela Malha Oeste, ferrovia que passa pela região de Araçatuba, poderá ser retomada a partir do segundo semestre. A previsão foi passada pelo assessor especial da Secretaria de Logística e Transportes do Estado, Luiz Flávio Fioravante, durante reunião em que apresentou o plano estadual para retomada do transporte ferroviário na região.

De acordo com Fioravante, há interesse de investimento da iniciativa privada no plano, inclusive com a intenção de aquisição de locomotivas e vagões para operação nas ferrovias. A estratégia de retomada conta com investimento do estado e privado, que podem chegar a 70 bilhões de reais até 2040.

A Malha Oeste é a ferrovia que vai de Bauru (SP), e vai até a região do Panatanal de Mato Grosso do Sul, passando por mais de 30 municípios da região, dentre eles, Araçatuba. 

O engenheiro Luiz Antônio Sola, especialista em transporte ferroviário e diretor-presidente da empresa Transfesa, esteve presente no encontro em Araçatuba, e afirmou ser viável o transporte pela Malha Oeste. Segundo ele, o Estado está no caminho certo ao investir neste sistema, que de acordo com ele é barato, rápido e seguro.

De acordo com dados apresentados pelo secretário Luiz Fioravante, metade dos 5 mil quilômetros de malha ferroviária de São Paulo está ociosa, pouco utilizada ou sem nenhuma operação. Segundo os números, apenas 11% do transporte de cargas e passageiros é feito por ferrovias. A rodovia é o tipo de transporte mais utilizado, ficando com 84% das cargas transportadas. 

Fioravante afirmou que será estimulada a construção de ramais de curta e média distância para atender às empresas e fazer a intermodalidade com o rio, rodovias e até aeroportos.

-x–x

 

Ultimas Noticias