18.2 C
Araçatuba
segunda-feira, maio 16, 2022

Golpistas utilizam vaga de emprego em shopping e time de biribol para tentar extorquir dinheiro

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

A cada dia surgem novas modalidades de golpes financeiros em que estelionatários utilizam a internet para tentar conseguir dinheiro enganando pessoas. 

Na última semana, o jornal O LIBERAL REGIONAL informou sobre golpes aplicados em nome do Serasa, em Araçatuba. Os bandidos utilizam o nome do órgão para informar dívidas inexistentes e oferecer possibilidades de negociação e pagamento.

Outras duas modalidades foram descobertas pela reportagem. Uma delas envolvia vagas de emprego ofertadas pelo Shopping Praça Nova Araçatuba.

Em contato com a redação, a gerente de marketing, Bruna Evangelista, informou que golpistas pegaram informações divulgadas por uma empresa terceirizada sobre vagas de emprego disponíveis para controlador de acesso no centro de compras. O Shopping chegou a informar sobre o golpe em suas redes sociais.

As vagas realmente foram colocadas à disposição, porém, estelionatários roubaram as informações e divulgaram nas redes sociais, informando a necessidade de um curso para conseguir a vaga. Para fazer o curso, a pessoa teria que pagar R$ 123 via PIX e receberia o certificado em até 2 horas. 

No anúncio, o e-mail informado para o envio de currículo era falso e o anúncio do curso, que também era mentiroso, informava que as aulas começariam dia 1º de abril. 

A gerente de marketing do Shopping Praça Nova confirmou as vagas para controlador de acesso, porém, não há exigência do curso para aqueles que desejam a oportunidade, nem tampouco existe a necessidade de pagamento de taxa para o envio do currículo. 

O e-mail verdadeiro para envio de currículos é raissa.sousa@gpssa.com.br colocando a palavra “Controlador” no assunto do e-mail. As vagas disponíveis oferecem salário de R$ 1.681,71, além de benefícios. 

 

Outro

 

Em um grupo de WhatsAPP destinado aos proprietários de bares e restaurantes de Araçatuba, diversos comerciantes relataram que uma pessoa tem se apresentado no aplicativo como representante do time de biribol de Araçatuba, pedindo valores de patrocínio para a equipe via depósitos ou PIX.

 

A reportagem entrou em contato com Fernando Villela Caldeira, que coordena o projeto de biribol em parceria com a secretaria municipal de esportes, cultura e lazer de Araçatuba, e afirmou que há muito tempo não faz mais captação de patrocínios e que tem conseguido os recursos para a manutenção da equipe através de sua loja de piscinas, em parceria com o poder público municipal. 

 

 

Ultimas Noticias