FALTA - Medicamento Tamiflu não é encontrado com facilidade em todas as farmácias

Farmácias já registram falta de medicamentos contra a gripe na região de Araçatuba

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

As farmácias de Araçatuba e da região estão registrando aumento na procura por medicamentos contra a gripe. Apesar de ainda não ter confirmação por exame de casos do vírus H3N2 no município, os atendimentos por causa da doença também estão aumentando no pronto-socorro municipal e no Hospital Unimed.

Medicamentos como o Oseltamivir, conhecido mais popularmente pela marca Tamiflu, tem sido muito procurado e já está em falta em algumas farmácias da região. Em consulta rápida feita pela reportagem em três farmácias da cidade, apenas uma possuía o medicamento na manhã desta quinta-feira (30).

O medicamento, que serve para o tratamento dos vírus Influenza A e Influenza B e que, normalmente, é vendido por receita médica, também está em falta em farmácias da região.

A reportagem conversou com a estudante de medicina Ariela Grillo, que mora no Paraguai e passa férias em Avanhandava. Ela precisou ir para Lins para comprar o medicamento para o irmão, que teve sintomas mais fortes após se infectar com o vírus da gripe.

“Tamiflu está em falta, fomos buscar em outra cidade, que foi onde eu achei”, conta. “Isso (o remédio) é orientação médica. Povo está ficando ruim a ponto de ir no médico. Ninguém vai ao médico por uma gripezinha, o povo toma benegripe em casa”, constatou.

Paralelamente a isso, o Pronto Socorro Municipal de Araçatuba está registrando aumento no atendimento de casos de sintomas de gripe. De acordo com o Dr. Carlos Mori, diretor do PS em Araçatuba, foram atendidas 99 pessoas no local entre os dias 26 e 28 de dezembro, logo após o Natal.

O Hospital Unimed divulgou nota informando sobre o aumento no número de atendimentos de pessoas com sintomas de gripe e de covid-19 no pronto-atendimento da unidade particular nas últimas duas semanas.

A biotecnóloga Vanessa Santana, que mora em Uberlândia (MG), e veio para Araçatuba para passar o período de festas com a família, começou a sentir os sintomas da gripe no terceiro dia após a chegada, na véspera do Natal. Apesar de não ter precisado de atendimento médico, ela chegou a procurar medicamentos comuns para gripe nas farmácias para tratar os sintomas, segundo contou à reportagem.

Prevenção

Com a provável influência do vírus H3N2, um dos subtipos do vírus Influenza A, que está causando um surto de gripe em diversas cidades do estado e do país, a recomendação é para que as medidas já conhecidas de combate ao coronavírus sigam sendo observadas pela população durante o Ano Novo.

O uso de máscara, além da higienização das mãos com álcool em gel ou com água e sabão, é importante para evitar a contaminação, tanto da gripe quando da covid-19. O distanciamento também é outra medida eficaz, de acordo com os profissionais de saúde.

 

Veja também

Araçatuba bate novo recorde de infecções em 24 horas pela Covid-19

Araçatuba bateu novo recorde de casos positivos de Covid-19 em apenas 24 horas. Foram constatadas …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *