Familiares de criança com doença rara fazem vaquinha em busca de recursos para tratamento

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

Familiares da pequena Natalie Caroline Santos da Silva, de apenas 5 anos, moradora de Araçatuba, estão fazendo uma vaquinha na internet para custear o tratamento da criança. Além disso, a família também pede doações para a reforma de um banheiro da casa, que precisa ser adaptado para utilização da menina.
Natalie teve diagnosticada imunodeficiência comum variável. Essa é uma das doenças associadas à deficiência na produção de anticorpos. Pacientes com a doença podem apresentar complicações como infecções no trato respiratório, doenças autoimunes e até mesmo tumores.
Atualmente, a menina apresenta um quadro de esplenomegalia, que é o aumento do baço, além de ter também alteração no fígado e nos pulmões.
De acordo com o avô da criança, Moacir Gomes da Silva, que procurou a reportagem da Clube FM e do jornal O LIBERAL REGIONAL, a família está fazendo uma vaquinha na internet com o objetivo de arrecadar pelo menos R$ 80 mil para custear o tratamento médico da garota.
“A gente está divulgando para conseguir essa ajuda. O tratamento dela é muito caro e ela está sofrendo muito. Então quem puder auxiliar com alguma coisinha já vai estar de bom tamanho”, afirmou o avô da menina.
Até ontem à tarde, a vaquinha havia arrecadado apenas R$ 7.580, 9% do total desejado, e 88 pessoas haviam feito alguma doação.
Natalie precisa ter acompanhamento médico com pneumologista e com um imunologista, para que seu quadro clínico não se agrave. Há consultas que precisam ser feitas no Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto e o valor também cobrirá os gastos das viagens.
Segundo a técnica de enfermagem Helen Nunes, que cuidou de Natalie na Santa Casa, a situação da menina não é fácil e o lado financeiro pesa de forma negativa para que ela tenha uma tratamento adequado ao seu caso.
“Cuidei da Natalie algumas vezes na Santa Casa de Araçatuba e sei o que ela está passando e não está sendo nada fácil, e a família está precisando muito, então quem puder vamos colaborar e ajudar essa família que precisa”, comentou.
O valor arrecadado também tem como objetivo fazer uma reforma na casa, principalmente no banheiro. Como a casa é antiga, apresenta paredes com mofo, e segundo os médicos, por Natalie ter um problema pulmonar, isso pode agravar seu quadro clínico. Segundo Moacir, a família necessita prioritariamente de 20 metros de piso e oito sacos de argamassa.
O site para arrecadação dos valores necessários está no ar e pode ser acessado pelo vakinha.com.br/vaquinha/natalie-caroline. As doações também podem ser feitas por PIX na chave 226 221 668 18, no nome de Hélio Wagner da Silva.
Para quem quiser fazer doação de materiais de construção, o endereço é a rua Antônio Lino, 287, no Jardim Sumaré, em Araçatuba.

Veja também

Em quase 9 décadas, empresa funerária passa de geração para geração na cidade

Diego Fernandes – ARAÇATUBA Considerado um dos empreendimentos comerciais mais antigos de Araçatuba, a Cardassi, …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *