PARTICIPAÇÃO - Campanha iniciada no dia 2 de julho vai até 31 de agosto DIVULGAÇÃO

Corpo de Bombeiros de Birigui realiza campanha de incentivo à doação de sangue voluntária

Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – BIRIGUI

O Corpo de Bombeiros de Birigui convida toda a população para participar da Campanha “Bombeiro Sangue Bom”, que incentiva a doação de sangue voluntária. A iniciativa começou no dia 2 de julho, Dia do Bombeiro, e segue até o dia 31 de agosto. Os bombeiros do município já fizeram suas doações.

A campanha foi criada em 2005 pelos bombeiros em parceria com a Fundação Pró-Sangue, do governo estadual, e acontece sempre nos meses de julho e agosto. Historicamente, nestes dois meses, as doações caem drasticamente por conta do inverno, férias escolares, e agora, em função da pandemia.

Segundo o 1º Tenente PM, Lucas Kusunoki, “é muito importante difundir a cultura da doação de sangue voluntária, pois proporciona uma grande ajuda podendo salvar até três vidas. Nós, do Corpo de Bombeiros da Polícia Militar do Estado de São Paulo, pedimos a colaboração de todos para juntos podermos salvar vidas”, disse.

 

DOAÇÕES

A doação de sangue pode ser feita no Hemocentro de Araçatuba, que fica na avenida Arthur Ferreira da Costa, 330, bairro Aviação. O atendimento é de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 14h, e aos sábados, das 7h às 11h. Não é necessário realizar agendamento.

Para doar, o voluntário precisa ter entre 16 e 69 anos de idade, estar em boas condições de saúde, pesar no mínimo 50 kg e não ter ingerido bebida alcoólica 12 horas antes. Os menores de idade precisam estar acompanhados de um responsável legal. É necessário apresentar documento de identidade.

Por conta da covid-19, existem algumas orientações que devem ser seguidas para aqueles que desejam ser doadores: Quem tomou a vacina Coronavac deve aguardar 48 horas par realizar a doação. Demais imunizantes o prazo de intervalo é de sete dias.

Aqueles que apresentaram infecção pela covid-19, de forma assintomática, devem aguardar 30 dias após recuperação clínica. Já aqueles que tiveram contato direto com casos suspeitos ou confirmados de contaminação, devem aguardar 14 dias após o último contato.

 

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Participantes do Projeto “Viver Bem” farão trilha na cascalheira 

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – TRÊS LAGOAS Os participantes do Projeto “Viver Bem” terão a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *