PAQUERÊ - Residencial na Caran Rezek terá 300 casas entregues nesta segunda-feira (18)

Com construção civil em alta, construtora entrega empreendimentos em Araçatuba

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA

O setor da construção civil mantém o ritmo de obras na região de Araçatuba. Com a retomada das atividades econômicas, as perspectivas de prospecção de clientes para a compra de imóveis e de diminuição de prazos para entrega de materiais ficam melhores.
Mesmo durante o pico da pandemia, o setor seguiu em franca expansão, mesmo enfrentando alguns problemas, como a falta de materiais, devido à paralisação das fábricas em todo o Brasil. Para o presidente do Sinduscon OESP, Aurélio Luiz de Oliveira Júnior, mesmo com a retomada das atividades, a questão dos materiais ainda não foi regularizada por completo. Ele projeta o período de até um ano para equalização do sistema “pedido – entrega”.
“Hoje o aço está perto de regularizar, agora pisos, acabamentos, esse ainda tem bastante problema para entrega, foi muito tempo sem produzir então tem um déficit, a gente calcula uns 8 a 12 meses para que seja estabilizado”, afirma Oliveira Júnior.
Porém, o cenário é melhor. Os acabamentos como pisos, azulejos, que tinha prazo de até 8 meses para entrega, agora estão com prazos de 3 a 4 meses, ainda longos, mas caminhando para uma regularização.
Mesmo assim, as obras não param. Prova disso são os condomínios entregues pela Tecol Engenharia. Na última semana, foi feita a entrega do residencial Dubai, um prédio com 256 apartamentos localizado na rua Aviação, em Araçatuba. Além disso, para esta segunda-feira (18), está prevista a entrega da primeira fase do residencial Paquerê, localizado na estrada municipal Caran Rezek. Serão entregues 300 casas a futuros moradores.
De acordo com Aurélio Oliveira Júnior, que também é diretor técnico da Tecol, no caso do condomínio de apartamentos Dubai, as vendas foram acima da expectativa, sendo que são poucas unidades ainda para comercialização.
“Nós entregamos o condomínio com 256 apartamentos e atualmente deve ter apenas uns 30 para comercialização”, ressaltou. De acordo com ele, os apartamentos à venda no Dubai estão no valor de R$ 180 mil cada um, valor este que pode ser financiado pela Caixa Econômica Federal.
No residencial Paquerê, a construtora projeta 1.900 casas até o final das construções. Após esta primeira entrega de chaves nesta segunda-feira (18) de 300 casas, a segunda fase prevê a entrega de mais 297 casas no final do ano que vem.
Segundo o diretor técnico da empresa, 160 destas casas já estão levantadas e as obras seguem em ritmo acelerado. O residencial conta com casas com e sem suíte que, atualmente, variam seus preços entre R$ 122 mil (sem suíte) e R$ 135 mil (com suíte). Aurélio Júnior comenta que, para os interessados, é importante fechar negócio o quanto antes, porque está previsto um aumento nos preços.
“Por causa do aumento de preço dos materiais, a subida da inflação, a gente projeta que entre dezembro e janeiro é possível que a unidade sem suíte suba para R$ 134 mil, então o consumidor que fechar negócio agora, ele terá essa vantagem de pegar o preço ainda mais baixo”, disse.

Outro empreendimento
Além dos empreendimentos já entregues ou com entrega marcada, outros investimos no setor de construção civil estão em andamento, todos eles tendo como público-alvo as famílias de baixa e media renda.
Ainda em Araçatuba, o residencial Versailles é mais um que está com obras em pleno vapor. Também construído pela Tecol Engenharia, o projeto está sendo erguido na Vila Alba. São 192 unidades e o projeto já está com cerca de 50% das obras já concluídas.
São casas também com as versões com e sem suíte. A previsão de conclusão e entrega do residencial é para o dia 28 de fevereiro de 2023 e há poucas unidades a serem comercializadas

Birigui
Outro município da região com a construção civil aquecida é Birigui. Por lá, dois empreendimentos assinados pela Tecol estão em fase de construção.
O primeiro deles, denominado Ilha de Mykonos, está sendo erguido próximo da Uniesp. É um residencial com 228 apartamentos, sendo 124 deles com suíte e 98 sem suíte. Além disso, a novidade são sete unidades no térreo com área aberta.
“Sete unidades possuem Garden no térreo, área para lazer, é uma novidade do empreendimento”, contou Aurélio Júnior.
A construção está avançada, com o bloco 1, com 96 apartamentos e oito andares, já erguido. Os demais estão na fase de fundação. A previsão de entrega é para 28 de fevereiro de 2023.
Além deste, a construtora prepara o lançamento do residencial Jacarandá, também em Birigui. O empreendimento será erguido no Jardim do Trevo e contará com 705 unidades residenciais.
De acordo com o diretor técnico Aurélio Júnior, falta apenas o registro do loteamento para que a empresa dê início às obras.

Serviço
A empresa mantém atendimento, com modelos decorados das casas e dos apartamentos, nos dois municípios. Em Araçatuba, o departamento comercial atende na rua Humaitá, 85; enquanto em Birigui, o atendimento é na Rua Saudades, 282. Outras informações podem ser adquiridas pelo Whatsapp (18) 99160-5402.

Veja também

Em quase 9 décadas, empresa funerária passa de geração para geração na cidade

Diego Fernandes – ARAÇATUBA Considerado um dos empreendimentos comerciais mais antigos de Araçatuba, a Cardassi, …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *