QUASE - Araçatuba está a 790 habitantes de chegar aos 200 mil moradores DIEGO FERNANDES

Caso mantenha média de crescimento, Araçatuba chegará aos 200 mil habitantes em 2022

Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

O município de Araçatuba ganhou mais 1.081 habitantes em um ano e está cada vez mais próximo de atingir a marca de 200 mil habitantes. Se mantiver o crescimento de mais mil habitantes por ano, registrado nos últimos dois anos, o município deve atingir a marca em 2022.

 

O IBGE, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, divulgou a estimativa populacional dos municípios brasileiros nesta sexta-feira (27), com data retroativa de 1 de julho de 2021, atualizando as estatísticas que são apresentadas todos os anos pelo Instituto. 

 

As estimativas populacionais são um dos parâmetros utilizados pelo Tribunal de Contas da União para o cálculo do Fundo de Participação de Estados e Municípios e são referência para vários indicadores sociais, econômicos e demográficos.

 

Maior município da região administrativa, Araçatuba tem 199.210 habitantes segundo o novo censo do IBGE, um crescimento de 1.081 habitantes em relação a 2020, quando havia a estimativa de 198.129 habitantes no município, um crescimento de 0,54%. Em relação ao censo de 2010, Araçatuba ganhou 17.631 moradores.

 

Um dos municípios que mais cresceu nos últimos anos e segundo maior da região em população, Birigui chegou aos 126.094 habitantes, com um crescimento de 1.211 habitantes em um ano, com um aumento de 0,96%. Se levar em consideração os últimos anos, Birigui teve um crescimento de 17.366 habitantes. Em Andradina, houve um aumento de 43 habitantes no período de 1 ano, com o município chegando agora a 57.245 moradores. 

 

Atualmente, a região administrativa de Araçatuba, que compreende os 43 municípios, está com uma população estimada pelo IBGE de 819.820 habitantes. 

 

Lins e Três Lagoas

 

Os municípios de Lins e Três Lagoas, que fazem parte da área de cobertura do SRC, também tiveram crescimento no número de habitantes.

 

Três Lagoas, inclusive, teve o maior crescimento de toda a área de cobertura do jornal O LIBERAL REGIONAL, com 1.856 moradores a mais de um ano para o outro. Em 2020, a cidade estava com 123.281 moradores e pulou para 125.137 em 2021, aumento de 1,5% no número de habitantes no período de 12 meses.

 

Já o município de Lins ganhou 475 habitantes neste ano e chegou aos 78.978 habitantes, com um crescimento de 0,6% entre a atual estimativa e a anterior de 2020.

 

São José do Rio Preto continua sendo o maior município do noroeste paulista. Em 2020, eram 464.983 moradores, saltando para 469.173 habitantes neste ano. Em Mirassol, cidade ao lado, a nova estimativa populacional é de 60.768, 465 moradores a mais do que no ano anterior. 

 

Estados e municípios

 

O estado de São Paulo segue sendo a unidade da Federação com maior número de habitantes. Segundo o novo censo do IBGE, são 46.649.132 moradores no estado paulista; que é seguido por Minas Gerais, com 21.411.923; e Rio de Janeiro, com 17.463.349 moradores. 

 

O município de São Paulo segue como o mais populoso, com 12.396.372 habitantes, seguido pelo Rio de Janeiro com 6.775.561, e Brasília, com 3.094.325.

 

Brasil

 

Segundo o IBGE, o Brasil chegou a uma população estimada de 213.317.639 habitantes, sendo que a região Sudeste (São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Espírito Santo) é a mais populosa com 89.632.912 moradores; seguida pelo Nordeste, com 57.667.842; Sul, com 30.402.587; Norte, com 18.906.962; e Centro-Oeste, com 16.707.336. 

 

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Diretoria inicia ações da ‘semana Nacional de Trânsito’

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – TRÊS LAGOAS É celebrado este ano entre os dias 18 …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *