ENTREGAS - Equipe do SRC, coordenada por Carolina Rocha e Viviane Rezek, entregou cestas básicas em bairros de Araçatuba DIEGO FERNANDES

Campanha “Ajude Já” do SRC começou entrega de cestas básicas a famílias carentes de Araçatuba

Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

Começou a entrega das cestas básicas da campanha “Ajude Já – A Fome Não Espera”, encabeçada pelas empresas do SRC em Araçatuba: as rádios Clube FM e Jovem Pan Araçatuba e o jornal O LIBERAL REGIONAL. Na última sexta-feira e no sábado, dezenas de cestas foram entregues a famílias carentes que estão passando por dificuldades financeiras por causa da crise provocada pela pandemia.

Uma das beneficiadas foi a família de Cléber Roberto da Silva, morador do bairro Alvorada, que mora com a esposa e os filhos, em uma casa alugada após a sua residência passar por um incêndio em outubro de 2019.

Ele contou que, além de ter perdido tudo no incêndio, a prefeitura de Araçatuba ainda não concedeu alvará para a demolição do imóvel, o que está prejudicando a sequência de seus planos de vida.

“A gente perdeu tudo, só não perdeu os bichos, que não deu tempo de tirar. Eles (prefeitura) não entregaram o mais importante, que era o alvará de demolição, sem esse alvará a gente não consegue fazer nada. Eu comecei a demolir a casa sem a permissão deles, e eles me bloquearam, porque eu não podia demolir, senão eu ia ganhar outra multa em cima disso, ia ser processado”, afirmou Cléber em conversa com a reportagem.

Cléber afirma que o ocorrido causou diversos problemas em sua vida financeira e psicológica, sendo que atualmente ele conta apenas com a renda do programa Bolsa Família, do governo federal, e está tratando uma depressão surgida após perder seu negócio.

“Eu sou microempresário quebrado, eu tinha uma empresa com 7 funcionários e perdi tudo, veio depressão, um monte de coisa, e eu estou fazendo tratamento até hoje, para me recuperar desse problema que eu tive em 2019”, completou Cléber, que ainda lembrou que com a chegada da pandemia em 2020, nem ele nem a esposa conseguiram trabalho.

Ele agradeceu à campanha “Ajude Já” e ficou muito feliz ao receber a visita da equipe do SRC na última sexta-feira, que lhe entregou uma cesta básica completa, além de fardos de leite e produtos de higiene pessoal.

“Vai ajudar muito, a gente não tem serviço, não aparece”, desabafou Cléber.

Outra família beneficiada foi a de Celso Ribeiro Alves, morador do bairro Lago Azul. Ele mora com a esposa e contou à reportagem que ele e sua esposa não podem trabalhar por estarem doentes.

“A gente está passando por uma necessidade bem grande, porque tanto eu quanto ela, a gente tem problemas de saúde, bronquite asmática, e ela está com uma hérnia bastante grande na barriga, do tamanho de um melão mais ou menos, foi adiada a cirurgia dela, e a gente está desempregado, passando por necessidades e dependendo da ajuda das pessoas que tem sensibilidade, vê a situação da gente e ajuda”, contou Celso. “Ela não consegue trabalhar, mal ela consegue varrer a casa já dá falta de ar e tem que parar, eu que faço tudo as coisas aqui em casa”, continuou.

Por causa da falta de condições financeiras, Celso Alves afirmou que a água e energia elétrica foram cortadas em sua residência e eles dependem de ajuda alheia para sobreviver.

“A gente está até com a água cortada, porque estamos sem trabalhar, sem condições financeiras para pagar, cortaram nossa água, cortaram nossa luz, a gente está dependendo da vizinha para pegar água e nós estamos em uma calamidade aqui”, desabafou.

A equipe do SRC fez a entrega na casa de Celso Alves neste sábado. Além de receber uma cesta básica completa, ele ainda recebeu fardos de leite, produtos de higiene, e uma quantia em dinheiro para que pudesse quitar as contas atrasadas de água e energia elétrica para que o serviço fosse religado.

“Essa cesta vai matar nossa fome, porque praticamente a gente não tem nada dentro de casa. É um alívio, isso é sinal que Deus é bom, Deus tem abençoado as pessoas que tem nos ajudado, graças a Deus. Agradeço muito a visita de vocês, a ajuda que vocês estão me dando, e que Deus abençoe a cada um de vocês”, agradeceu Celso Alves emocionado.

Satisfação

Foram entregues dezenas de cestas básicas na sexta-feira e no sábado para moradores de diversos bairros como Lago Azul, Porto Real, Umuarama, Alvorada, Pinheiros, dentre outros. Todos estavam foram cadastrados e indicados através do telefone da Clube FM Araçatuba, (18) 2103-5050.

Viviane Rezek, que ao lado de Carolina Rocha, coordenou as entregas dos alimentos doados na campanha “Ajude Já”, comentou que é muito importante ajudar ao próximo e demonstrou muita satisfação com este trabalho.

“Isso é uma satisfação, não tem preço, você ver a necessidade, a gente tem pra poder dividir um pouquinho. Se cada um fizer um pouquinho nós não vamos acabar com o problema, mas a gente consegue suprir, pelo menos, essas famílias que neste momento tem pessoas desempregadas e doentes que estão necessitando. A satisfação não tem preço. É Deus e o prazer de poder estar ajudando estas pessoas”, comentou.

O trabalho das entregas, coordenado por Carolina Rocha e Viviane Rezek, contou com a apoio da equipe de eventos do SRC, com trabalhos de Renato Brambila e João Roque.

Continua

A campanha “Ajude Já” continua nesta semana em todas as principais cidades da área de cobertura do SRC: Araçatuba, Andradina, Lins e Três Lagoas, tanto com a doação de alimentos nos pontos de arrecadação, como com as entregas às famílias necessitadas.

De acordo com o presidente do SRC, o jornalista Nivaldo Franco Bueno, o grupo, que está completando 50 anos em 2021, mantém o compromisso social que é premissa para meios de comunicação.

“Temos compromisso com a sociedade à qual estamos inseridos. Por isso, as empresas do grupo sempre estão de portas abertas para divulgação de causas nobres, de interesse coletivo”, finalizou o fundador e presidente do SRC, jornalista Nivaldo Franco Bueno.


Compartilhe esta notícia!

Veja também

FUI TESTEMUNHA DA HISTÓRIA: o desastre da falta de auditoria dos votos

Compartilhe esta notícia!GISLAINE TARGA Na noite do dia 26 de outubro de 2014 aconteceu o …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *