TRABALHO - Equipes trabalham na limpeza das palmeiras na Avenida João Arruda Brasil ANTONIO CRISPIM

Ação conjunta visa combater bicho barbeiro

Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – ARAÇATUBA
As cidades que têm palmeira imperial como parte da arborização urbana, precisam periodicamente desenvolver ações para combater o bicho barbeiro, que transmite a doença de chagas. Na manhã dessa terça-feira, equipes do Centro de Controle de Zoonoses de Araçatuba (município) e da Superintendência de Controle de Endemias – Sucen (estado), iniciaram o trabalho na Avenida João Arruda Brasil, na Vila Industrial. O trabalho será feito em toda a extensão da avenida. Até as 11 horas as equipes não tinham encontrado nenhum inseto.
O objetivo da ação é reduzir a infestação dos insetos e reduzir o risco de contaminação. Quando o inseto é encontrado, é encaminhado para análise. Raramente há inseto contaminado.
O trabalho tem apoio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (SMMAS), que faz a poda das folhas das palmeiras, enquanto os agentes de combate a endemias e da Sucen fazem a seleção do inseto.
Junto a essa ação, agentes comunitários de saúde estão indo nas residências próximas à avenida João Arruda Brasil a fim de orientar os munícipes quanto às procedências em caso de aparecimento de bicho barbeiro na residência. Nas Unidades Básicas de Saúde também é reforçada a necessidade da notificação em caso de aparecimento do inseto.
A reportagem foi informada que o trabalho deve ser desenvolvido ao longo das próximas semanas. Este ano o trabalho será feito apenas na Avenida João Arruda Brasil, embora há palmeiras em outros logradouros.

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Polícia Rodoviária Federal apreende quase uma tonelada de maconha em Penápolis

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – PENÁPOLIS No início da tarde de domingo (26), equipe da …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *