CONSUMADO - Presidente do Navia, doutor Carlos Antônio Mendonça Casati fala sobre o apoio recebido para instalação do CVV DIVULGAÇÃO

Andradina inaugura núcleo do CVV

Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – ANDRADINA

Na terça-feira (3) foi inaugurado em Andradina o posto do CVV (Centro de Valorização da Vida), que será mantido pelo Núcleo de Apoio à Vida de Andradina (Navia). O evento teve a participação de várias autoridades e da coordenação local do CVV.  A implantação do CVV em Andradina teve o trabalho de várias pessoas, como Terezinha Maria das Graças, da área de expansão e do delegado de Polícia, Carlos Antônio Mendonça Casati, que é presidente do Navia e que desde o início abraçou a causa e buscou parcerias para tornar o posto realidade. O CVV está instalado à Rua Bandeirantes, 1427, próximo à Praça José Yarid (Memorial Adélio Sarro).

A proposta do CVV é ser um ponto de apoio às pessoas que se encontram em momento de desespero, garantindo uma palavra de apoio e de estímulo. O trabalho é desenvolvido no Brasil há muito tempo e sempre com bons resultados. Agora está passando por um processo de expansão, com a instalação de novos postos. Dados recentes revelam que no Brasil são registrados aproximadamente 12 mil suicídios por ano. No mundo, são cerca de 800 suicídios. 

 

HISTÓRIA

O CVV – Centro de Valorização da Vida foi fundado em São Paulo no ano de 1962, é uma associação civil sem fins lucrativos, filantrópica, reconhecida como de Utilidade Pública Federal desde 1973. Presta serviço voluntário e gratuito de apoio emocional e prevenção do suicídio para todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo e anonimato.

A instituição é associada ao Befrienders Worldwide, que congrega entidades congêneres de todo o mundo e participou da força tarefa que elaborou a Política Nacional de Prevenção do Suicídio, do Ministério da Saúde, com quem mantém, desde 2015, um termo de cooperação para a implantação de uma linha gratuita nacional de prevenção ao suicídio.

 

COORDENAÇÃO

O posto do CVV de Andradina tem como coordenadora Andrea Cristina Segóvia Silva, 1ª vice-coordenadora Luciana Balieiro Okuyama Andrade, 2ª vice-cordenadora  Tamiko Inoue, 3º vice-coordenador José Antônio Pizzo, 1ª secretária Marly de Jesus Lopes Garcia, 2ª secretária Lurdes de Fátima Brunhara Cruz, 3ª secretária Lídia Nakaguma Shimizu, 1º protocolo/relações públicas/propaganda Sergio Marques Nunes, 2º protocolo/relações públicas/propaganda – Marcelo da Silva Zompero, advogados – doutor. Paulo Rodrigues Novaes e a doutora  Isabel Grecco. O posto é mantido pelo Navia, que é presidido pelo delegado Carlos Antônio Mendonça Casati.

 

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Obra da CPFL para melhorar o serviço deixa Vila Mendonça sem energia

Compartilhe esta notícia!Diego Fernandes – ARAÇATUBA Obra da CPFL para melhorar o serviço deixa Vila …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *