Andradina comemora hoje 84 anos de fundação

Andradina comemora hoje 84 anos de fundação

Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – ANDRADINA

Andradina, que figura entre as maiores cidades da região Noroeste, completa hoje (11), 84 anos de fundação. A exemplo de outras cidades, surgiu a partir da construção da ferrovia. O empresário Antônio Joaquim de Moura Andrade foi o responsável pela fundação a partir do loteamento de extensa faixa de terras e de investimentos na estruturação da cidade.

HISTÓRIA
A fundação de Andradina foi idealizada em 1932 pelo fazendeiro Antônio Joaquim de Moura Andrade, que conseguiu a construção de um novo ramal ferroviário, a Variante, entre as estações de Araçatuba e Três Lagoas da Estrada de Ferro Noroeste do Brasil. Às margens da Variante, foram criados vários povoados, que hoje são cidades.
O traçado antigo da linha da NOB, linha que chegou ao Rio Paraná em 1910, que ficou conhecido depois como Ramal Araçatuba – Lussanvira (em Pereira Barreto), por ter sido construído muito próximo ao Rio Tietê, estava muito sujeito à malária e ficava longe das terras mais altas, as mais adequadas para o plantio de café, o qual era transportado por ferrovias para o porto de Santos.
A Variante passaria na Fazenda Guanabara, propriedade do Rei do Gado, seguindo em direção ao Mato Grosso do Sul.
Seu desejo pela urbanização era tanto que ele, Antônio de Moura Andrade, encomendou ao engenheiro Benelow & Benelow, a elaboração de um projeto para a urbanização da futura povoação.
Devidamente planejada, o povoado surgiu em 11 de julho de 1937, em terras da Fazenda Guanabara de propriedade de Moura Andrade. Nesta data chegou o primeiro trem de ferro da variante da Estrada de Ferro NOB à nova povoação.
Moura Andrade, loteou em pequenos sítios, parte da Fazenda Guanabara, para os pioneiros recém-chegados, ao todo eram 6000 famílias sem exigir fiador ou entrada em dinheiro. Moura Andrade instalou luz elétrica movida a motor diesel. Quase todos os comércios da nova povoação pertenciam a ele no início, inclusive um banco. Atraiu, muitos comerciantes para a nova povoação vendendo a preços baixos, os lotes urbanos.

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Sindicato e vereadores discutem criação de cartilha de cuidados para o comércio durante a pandemia

Compartilhe esta notícia!DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA Com as lojas do comércio funcionando em horário normal, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *