90% - Chances de cura do câncer de próstata podem chegar a 90% em caso diagnóstico precoce; AME oferece exames em Araçatuba

AMEs de Araçatuba e Andradina oferecem exames para prevenir o câncer de próstata

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

As unidades do AME, Ambulatório Médico de Especialidades, de Araçatuba e de Andradina, estão oferecendo exames e check-ups para homens com mais de 50 anos, de forma gratuita, até o final do mês de novembro. O movimento faz parte da campanha do Novembro Azul, o mês de conscientização para a prevenção do câncer de próstata.

O agendamento do serviço para os pacientes está sendo feito exclusivamente por telefone, através do número 0800 779 0000.

O objetivo é fazer a prevenção do câncer de próstata nesse público e o check-up cardiológico. O paciente agenda e o atendimento é realizado aos sábados. De acordo com o cronograma, serão dois sábados de atendimento para os pacientes agendados.

No primeiro, o paciente passa por exames laboratoriais e por uma consulta com a equipe de enfermagem. No sábado seguinte, ele retorna ao AME, com os exames prontos, e passa pelo urologista e pelo cardiologista, todo o check-up é realizado e a continuidade do tratamento é dada no AME.

Para este mês, a previsão é de que sejam feitos cerca de 60 atendimentos entre os AMEs de Araçatuba e Andradina. O projeto existe o ano todo, porém é intensificado no mês de novembro, por conta de ser o mês de prevenção do câncer de próstata.

Para fazer o agendamento, o paciente precisa ter mais de 50 anos e não ter o diagnóstico de câncer. A ação é para prevenção.

Cuidados

Caso a pessoa tenha um parentesco direto com uma pessoa que teve câncer de próstata, como pai e irmão, os exames preventivos devem começar a ser realizados a partir dos 45 anos. Para aqueles que não têm casos na família, os exames podem começar a partir dos 50 anos.

A intenção médica do início dos exames é se, caso a pessoa tenha desenvolvido um câncer de próstata, ela possa diagnosticá-lo precocemente, para ter mais chances de cura. Por isso, a recomendação é ir pelo menos uma vez ao ano no urologista para fazer dois exames: PSA (exame de sangue) e o exame de toque retal, feito no próprio consultório.

Entre 80% e 90% dos casos de câncer de próstata possuem cura. Como é uma doença silenciosa, é necessário realizar os exames, já que mesmo que a pessoa desenvolva o câncer, ela não terá sintomas durante muito tempo.

Na fase inicial, o câncer de próstata não apresenta sintomas e quando alguns sinais começam a aparecer, cerca de 95% dos tumores já estão em fase avançada, dificultando a cura.

Na fase avançada, os sintomas são: dor óssea; dores ao urinar; vontade de urinar com frequência; presença de sangue na urina e/ou no sêmen.

Os principais fatores de risco: histórico familiar de câncer de próstata: pai, irmão e tio; e obesidade.

A indicação da melhor forma de tratamento vai depender de vários aspectos, como estado de saúde atual, estadiamento da doença e expectativa de vida.

Em casos de tumores de baixa agressividade há a opção da vigilância ativa, na qual periodicamente se faz um monitoramento da evolução da doença intervindo se houver progressão da mesma.

 

Veja também

Em quase 9 décadas, empresa funerária passa de geração para geração na cidade

Diego Fernandes – ARAÇATUBA Considerado um dos empreendimentos comerciais mais antigos de Araçatuba, a Cardassi, …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *