Mulher é detida com suposta maconha sintética

Compartilhe esta notícia!

Uma mulher foi detida na noite de sexta-feira (5) depois de ser flagrada pela Polícia Militar com uma substância aparentando ser maconha sintética. Ela confessou que levaria o produto até outra pessoa na porta da Penitenciária de Lavínia. Depois de ser ouvida na delegacia, ela foi liberada.

A reportagem do jornal O LIBERAL REGIONAL apurou que os policiais militares faziam patrulhamento de rotina quando abordaram um veículo GM/Classic de São Bernardo do Campo ocupado por uma ajudante, de 25 anos, moradora na capital paulista.

Uma policial feminina realizou busca pessoal e localizou 75 pedaços de uma folha áspera, sendo 41 na cor amarela e 34 azul, aparentando ser uma substância sintética conhecida como K4. A indiciada revelou que pegou a droga de uma mulher na estação da Barra Funda, em São Paulo, e que iria entregar para outra pessoa na porta da Penitenciária de Lavínia. Apesar disso, ela não soube informar o nome dessa pessoa, mas revelou que ganharia R$ 600,00 pela entrega.

A mulher disse que o marido dela está preso na Penitenciária 3 de Lavínia cumprindo pena de 11 anos por roubo. Diante das evidências, a suspeita recebeu voz de prisão e foi conduzida até a delegacia de Mirandópolis. O delegado apreendeu a substância e a encaminhou para análise no Instituto de Criminalística. Apesar disso, ele decidiu liberar a autora por conta da confirmação se o produto é entorpecente ou não. A Polícia Civil abrirá inquérito para dar andamento às investigações.

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Pintor é preso com mais de 80 pinos contendo cocaína

Compartilhe esta notícia!Um pintor de 21 anos foi preso na noite de sábado (15) depois …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *