15.1 C
Araçatuba
sábado, agosto 13, 2022

Mulher denuncia o próprio filho após ser agredida

Uma enfermeira de 60 anos de idade procurou a Central de Flagrantes na noite de sexta-feira (29) para denunciar o próprio filho, um homem de 38 anos, após ter sido ameaçada de morte e ter o carro danificado. O caso ocorreu na rua Antônio dos Santos Ribeiro, no bairro Vilela, zona norte de Araçatuba.

 

A vítima contou em depoimento aos investigadores que o filho é dependente químico e faz o uso de crack. Ele mora há aproximadamente quatro anos com a mãe, mas o vício tem tornado a relação insuportável. No dia que tudo ocorreu, o autor pediu dez reais emprestados para a mãe.

 

A declarante, sabendo que o filho usaria o dinheiro para comprar entorpecentes, não emprestou o valor. O suspeito ficou bastante exaltado e começou a ofender verbalmente a mãe e a fazer diversas ameaças de morte a ela. Logo em seguida, o homem quebrou o retrovisor do veículo VW/Gol pertencente à enfermeira.

 

Na sequência, o investigado foi para uma praça do bairro. A mãe, preocupada, o acompanhou e os dois iniciaram outra discussão. Após toda a confusão, a mulher decidiu fazer a denúncia na delegacia. O delegado plantonista registrou o caso como violência doméstica, dano, injúria e ameaça. Um inquérito foi aberto pelo terceiro distrito policial do município para dar andamento às investigações.

 

A enfermeira representou criminalmente contra o filho e requisitou medidas protetivas de caráter de urgência. A Polícia Civil também solicitou perícia técnica no veículo dela a fim de serem constatados os danos cometidos pelo autor, que até agora não foi localizado pelos policiais.

Ultimas Noticias