Homem é baleado nas costas em Araçatuba

Compartilhe esta notícia!

Araçatuba registrou mais uma tentativa de homicídio. Dessa vez, na tarde de segunda-feira (28). Um rapaz de 26 anos foi baleado nas costas e nos braços quando voltava de um mercado pela rua Antonio Floriano Petia, no bairro Jussara. Ele foi socorrido com vida e não corria risco de morte. Os dois suspeitos do crime fugiram e não foram localizados.

De acordo com informações do boletim de ocorrência, os policiais militares receberam informações do Copom (Central de Operações da Polícia Militar) de que um indivíduo teria sido alvejado por disparos de arma de fogo no local. O homem foi socorrido até o Pronto-Socorro Municipal. As equipes de plantão da Polícia Civil foram até a unidade hospitalar a fim de realizar o registro da ocorrência.

Lá apuraram que a vítima passava por atendimento médico. Os investigadores conseguiram falar com o homem, o qual relatou estar voltando de um mercado quando foi surpreendido por um veículo ocupado por dois homens. O motorista teria o chamado pelo nome de outra pessoa. Nesse instante, o declarante se virou para dizer que não era ela, mas viu que o passageiro já estava apontando uma arma em sua direção.

Na sequência foram disparados diversos tiros. O declarante até tentou correr, mas foi atingido por tiros nas costas e nos braços. Os suspeitos fugiram em alta velocidade e até o fechamento dessa edição não foram localizados. Os policiais militares, juntamente com os civis, estiveram na cena do crime, mas não localizaram nenhum vestígio que pudesse colaborar com as investigações. Por isso, a perícia foi dispensada pelo delegado plantonista. A Polícia Civil abriu inquérito para dar andamento aos trabalhos de apuração. A partir de agora, os investigadores irão tentar analisar se existem câmeras de segurança nas imediações que possam ajudar na identificação dos autores.


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Homem condenado no Rio de Janeiro é preso em Três Lagoas

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – TRÊS LAGOAS Pouco depois das 6 horas dessa quinta-feira, em …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *