Festa em área de lazer termina em confusão e tumulto

Compartilhe esta notícia!

Uma festa em área de lazer terminou em tumulto e prisões na zona leste de Araçatuba na noite de sábado (10). Um ajudante de 43 anos e a mulher dele, uma dona de casa de 36, foram detidos por dano qualificado, desacato e resistência. O casal teria atacado policiais militares e guardas municipais que foram até a Avenida Antônio Cavasana, no bairro Concórdia, averiguar denúncia de aglomeração.

Segundo informações do boletim de ocorrência, os guardas municipais foram acionados para atendimento de uma briga envolvendo várias pessoas. Foi necessária a vinda de apoio tanto da Polícia Militar quanto da Guarda, já que o tumulto se generalizou, inclusive de forças do Baep (Batalhão de Ações Especiais).

Nesse momento, os agentes de segurança foram atacados por algumas pessoas que ali estavam, por isso estas tiveram que ser contidas. O ajudante estaria bastante exaltado e mordeu um dos PMs, além de ter danificado a viatura Duster da Guarda.

A esposa dele também desacatou as equipes, resistiu à abordagem e danificou o compartimento de presos da viatura Spin, da Polícia Militar. Ela também chutou a mão de um PM e a prensou contra o veículo, causando ferimentos nos dedos. Antes de serem levados à Central de Flagrantes, os envolvidos passaram por atendimento médico no Pronto-Socorro Municipal, onde foram medicados e liberados na sequência.

Marido e mulher foram apresentados na delegacia e prestaram esclarecimentos. O delegado plantonista manteve a prisão em flagrante e os deixou à disposição da Justiça. Eles foram encaminhados para as cadeias públicas da região. Um inquérito foi aberto para dar andamento aos trabalhos investigativos.

POSICIONAMENTO

Por meio de uma nota, a Prefeitura Municipal de Araçatuba informou que houve denúncia de uma festa sendo realizada em uma área de lazer e que a fiscalização foi até o local acompanhada da Guarda Municipal. “Ao chegar, a fiscalização pediu para chamar o dono da área de lazer, porém, os presentes não quiseram identificar quem era”.

A partir de então, a confusão teve início e foi preciso o apoio de outras viaturas. “A fiscalização fará consulta para identificar o proprietário da área de lazer que será autuado no valor de R$ 2.909,00”, finalizou a nota.

 

 

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Após 13 anos, moto roubada é recuperada pela PM

Compartilhe esta notícia!Um homem, identificado pelas iniciais B.H.G.P., foi preso na noite de segunda-feira (17) …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *