Após acidente, PM apreende Camaro com restrição judicial

Compartilhe esta notícia!

A Polícia Militar de Araçatuba apreendeu, na tarde de quinta-feira (29), um Chevrolet/Camaro pertencente a um empresário de 40 anos. Ele causou um acidente envolvendo uma vendedora, de 36, que conduzia uma moto pela área central de Araçatuba. O veículo estava com restrição judicial.

Segundo informações do boletim de ocorrência, os policiais militares chegaram até o local e apuraram que o empresário conduzia o Camaro pela rua Maestro Zico Seabra no sentido das Avenidas Saudade/Brasília e no cruzamento com a rua Duque de Caxias parou para avistar se havia algum veículo se aproximando e, como não viu, prosseguiu.

Quando finalizava a travessia, o condutor colidiu com a Honda/Biz. Com a batida, a motociclista perdeu o controle da direção, foi lançada no asfalto e sofreu lesões pelo corpo. Uma unidade do Resgate foi acionada e prestou os primeiros atendimentos. A vítima foi encaminhada até o Pronto-Socorro Municipal e permaneceu internada em observação.

Durante o registro da ocorrência, a polícia verificou que o autor da batida não possuía CNH (Carteira Nacional de Habilitação) e o licenciamento do carro estava atrasado, além, de restrição judicial pela 1ª Vara de Adamantina. Diante disso, o automóvel foi apreendido e encaminhado a um guincho no bairro Jussara.

O motorista foi levado até o plantão policial e prestou esclarecimentos na presença de advogados. Ele foi liberado em seguida. A Polícia Civil abriu inquérito para dar prosseguimento aos trabalhos investigativos.


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Polícia Rodoviária Federal apreende quase uma tonelada de maconha em Penápolis

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – PENÁPOLIS No início da tarde de domingo (26), equipe da …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *