22.8 C
Araçatuba
sábado, junho 25, 2022

Série com prima de Hulk é mais um derivado do sucesso do personagem nas telinhas e telonas

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

Mais uma produção baseada no personagem verde da Marvel, Hulk, está próxima de ser lançada. Na última terça-feira (17) foi lançado o primeiro trailer da série “She-Hulk”, que terá como protagonista a prima do herói dos quadrinhos, que será interpretada por Tatiana Maslany (“Orphan Black”, 2013 a 2017).

Na mesma produção, o ator Mark Ruffalo (“Spotlight”, 2015), que dá vida ao Hulk nos cinemas desde 2012, retornará ao seu mais icônico personagem. A previsão é que a produção estreie no serviço de streaming Disney + no dia 17 de agosto.

Ao longo das últimas décadas, Hulk deixou de ser exclusivo dos quadrinhos e já foi bastante explorado nas telonas, tendo pelo menos quatro grandes intérpretes. 

O primeiro a marcar época com o personagem foi o ator e fisiculturista Lou Ferrigno (“Morte Imediata”, 2017), que interpretou o herói verde na série “O Incrível Hulk”, que foi exibida pela TV norte-americana entre os anos de 1978 e 1982. Na série, Ferrigno dava vida ao personagem após a sua transformação, e nenhuma computação gráfica era utilizada na época, apenas seu próprio corpo pintado de verde. 

Ainda na produção, o personagem David Banner – chamado assim, e não de Bruce, como nos quadrinhos, pelo fato de um dos criadores da série, Kenneth Johnson, querer distanciar o programa dos gibis – era feito pelo falecido Bill Bixby (“A Gangue em Apuros”, 1975). 

O sucesso da produção foi tanto que rendeu três filmes para a TV com os mesmos intérpretes: “A Volta do Incrível Hulk” (1988), “O Julgamento do Incrível Huk” (1989), e “A Morte do Incrível Hulk” (1990). 

Já o filme “Hulk” foi para as telonas em 2003, dirigido por Ang Lee (“As Aventuras de Pi”, 2012), e contou com Eric Bana (“Munique”, 2015) interpretando Bruce Banner. Nas cenas como Hulk, passou a ter computação gráfica para a transformação no herói. 

Foi a única participação de Eric Bana em filmes da franquia interpretando o personagem. O longa-metragem ajudou a construir o caminho atual do universo cinematográfico da Marvel, que tinha se fortalecido no ano anterior com o sucesso do lançamento de “Homem-Aranha” (2002).

Já para 2008, já no pontapé inicial da sequência dos Vingadores, foi lançado novo longa-metragem solo de Hulk, que já vinha precedido do filme solo “Homem de Ferro” (2008). 

Desta vez, o intérprete do herói verde foi Edward Norton (“O Ilusionista”, 2006), que logo após o fim da produção, resolveu se retirar do projeto e avisou que não participaria das sequências com os demais heróis da Marvel.

Com isso, coube a Mark Ruffalo o papel de interpretar o herói no filme “Os Vingadores” (2012), que foi grande sucesso da produtora. O papel foi repetido nos demais filmes: “Homem de Ferro 3” (2013), “Vingadores: Era de Ultron” (2015), “Thor: Ragnarok” (2017), “Vingadores: Guerra Infinita” (2018), “Capitã Marvel” (2019), “Vingadores: Ultimato” (2019). Atualmente, ele segue no papel e estará na nova série “She-Hulk”.

A série

O seriado será centralizado na história da Mulher-Hulk, a prima de Hulk, a advogada Jennifer Walters, que recebe uma transfusão de sangue do primo após ser baleada, recebendo também seus superpoderes.

Ao contrário de Hulk, que terá participação ativa na série segundo às prévias, ela consegue manter a sua inteligência quando assumo a forma de Mulher-Hulk. 

PARTICIPAÇÃO – Mark Ruffalo, atual intérprete do Hulk nos cinemas, terá participação importante
Crédito: Divulgação / Marvel Studios
PIONEIRO – Lou Ferrigne, primeiro ator a interpretar Hulk, único a não necessitar de computação gráfica
Crédito: Divulgação / Marvel Studios

Ultimas Noticias