ALERTA - Estabelecimentos só podem vender o que está declarado

Pesca proibida em Mato Grosso do Sul

DA REDAÇÃO – TRÊS LAGOAS

O Imasul e a Polícia Militar Ambiental começam a fiscalização dos cardumes e os estoques pesqueiros nas peixarias, mercearias ou restaurantes. Isso porque a partir de hoje (5), quando começa a piracema, a pesca estará proibida em todos os rios que cortam o território de Mato Grosso do Sul, inclusive os federais.
Nos rios, a fiscalização se concentrará principalmente nos pontos em que os peixes são mais vulneráveis à pesca predatória, como cachoeiras e corredeiras. Nesses locais serão montados postos fixos com policiais durante as 24 horas do dia.
Já os estabelecimentos comerciais têm o prazo de 48 horas a partir do início da Piracema, ou seja, até o dia 7 de novembro, para fazer a declaração de seu estoque pesqueiro. A partir daí só pode comercializar aquilo que estiver declarado.
O esquema especial de fiscalização da PMA contará com efetivo de 325 policiais nas 26 Subunidades estabelecidas em 20 municípios, além de 20 fiscais do Imasul.
Na Operação Piracema de 2019-2020 foram presas 55 pessoas, apreendidos 859 quilos de pescado e aplicados R$ 105 mil em multas.

Veja também

Região tem pouco mais de 72% da sua população totalmente imunizada contra a covid-19

Diego Fernandes – Araçatuba Durante esta semana, ao decidir sobre a flexibilização do uso de …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *