Governador de MS determina toque de recolher das 22h às 5h a partir de segunda-feira

Compartilhe esta notícia!

À beira de colapso na saúde, o governador Reinaldo Azambuja determinou toque de recolher em todo o território de Mato Grosso do Sul a partir da próxima segunda-feira, dia 14 de dezembro.

A medida, válida para os 79 municípios sul-mato-grossenses, visa conter o crescente número de mortes causadas por infecções de coronavírus e ainda a superlotação dos hospitais.

Com o decreto os cidadãos não poderão sair de casa entre 22h e 5h. É claro que, há exceções, como por exemplo, em casos de trabalho e emergência médica.

Porém, serviços não essenciais como bares e restaurantes devem permanecer fechados durante o horário de restrição.

Polícia Militar, Corpo de Bombeiros Militar e Vigilância Sanitária Estadual farão a fiscalização para garantir o cumprimento da medida. Guardas municipais e vigilâncias sanitárias municipais darão reforço ao trabalho de inspeção.

O decreto ainda determina que os municípios devem adotar as recomendações sanitárias definidas pelo Programa de Saúde e Segurança da Economia (Prosseguir) durante a restrição de circulação de pessoas. Casos de municípios que não seguirem as regras serão encaminhados ao Ministério Público Estadual (MPMS).

De acordo com os últimos boletins epidemiológicos da doença, a taxa de ocupação de leitos clínicos e de UTI no Estado aumentou drasticamente e já há falta de vagas nas regiões de Campo Grande e Corumbá. Já as regiões de Dourados e Três Lagoas estão com ocupação de 78% e 64%, respectivamente.

Katiuscia Fernandes – Subcom


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Diretoria inicia ações da ‘semana Nacional de Trânsito’

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – TRÊS LAGOAS É celebrado este ano entre os dias 18 …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *