21.9 C
Araçatuba
sábado, maio 21, 2022

Com ações efetivas, Saúde reduz o índice de infestação do Aedes aegypti

DA REDAÇÃO – TRÊS LAGOAS

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Três Lagoas, por meio da equipe de Endemias e Controle de Vetores,  divulgou na segunda-feira (9), o Levantamento de Índice Rápido de Infestação pelo Aedes aegypti – LIRA referente ao mês de abril de 2022. Pelo levantamento divulgado, o Índice de Infestação Predial (IIP) do mês passado é de 0,6%, ou seja, dos 3.010 imóveis visitados pelos Agentes de Endemias foram encontrados 19 depósitos positivos em 19 dos imóveis que possuíam focos do vetor. Isso é resultado das várias ações desenvolvidas para reduzir os criadouros. Noi levantamento anterior, o índice era de 1,9%.

Segundo critérios de avaliação, adotados pelo Ministério da Saúde, existem 3 faixas do índice quanto ao extrato do LIRA. Até 0,9% é considerado satisfatório, ou seja, sem risco de surto e epidemia, com casos esporádicos; de 1 a 3,9% é considerado um alerta e, a partir de 4%, risco iminente de surto e epidemia.

 

OS CUIDADO DEVEM CONTINUAR

O coordenador de Endemias, Alcides Ferreira, recomenda atenção redobrada no combate ao mosquito Aedes aegypti durante todo o ano. “Recomendamos a população que não deixe água parada em nenhum local. Precisamos continuar contribuindo com a conscientização coletiva de inspeção de focos de proliferação em casas e quintais, além dos locais públicos e terrenos baldios”, finalizou.

 

LEVANTAMENTO ANTERIOR

No levantamento realizado em março, a situação era preocupante. O Índice de Infestação Predial (IIP) de março era de 1,9%, ou seja, dos 3.190 imóveis visitados pelos agentes de endemias foram encontrados 66 depósitos positivos em 62 dos imóveis que possuíam focos do vetor. Os números mostram que houve uma queda de criadouros positivos da ordem de 69%, caindo de 62 para 19.

 

Ultimas Noticias