TRABALHO - Equipes estão percorrendo residências paa inspeção, orientação e recolhimento de material inservível

Ação nos bairros elimina 46 focos de proliferação e recolhe mais de 180 sacos de lixo

Compartilhe esta notícia!

DA REDAÇÃO – TRÊS LAGOAS

Nesta semana, o Setor de Controle de Endemias da Secretaria Municipal de Saúde realizou o Mutirão da Dengue nos bairros Interlagos e Vila Piloto. As equipes de agentes de endemias do Município visitaram residências e comércios das microareas vistoriando nos quintais e orientando os moradores para colaborar com a eliminação de possíveis locais que venham a ser criadouros do mosquito transmissor da Dengue.

 

INTERLAGOS

Foram inspecionados 948 imóveis no Interlagos, entre casas, comércios, órgãos públicos, igrejas e terrenos baldios. Segundo informações da supervisora de área, Elza Ribeiro, foram encontrados e eliminados 22 focos do mosquito Aedes Aegypti.

Apenas 342 imóveis não foram inspecionados por estarem fechadas ou de difícil acesso, sendo casas fechadas de imobiliária e abandonadas. Ainda foram recolhidos mais de 100 sacos de lixo com criadouros.

O Interlagos é o bairro que apresenta o maior número de casos notificados prováveis de dengue, sendo a segunda visita realizada neste ano de 2021 e o primeiro bairro a receber o trabalho de UBV pesado (fumacê), com o intuito de cortar a cadeia de transmissão da doença.

 

VILA PILOTO

A ação abrangeu 861 imóveis, sendo identificados e eliminados 26 focos. Imóveis fechados e abandonados somam 330, que podem ser inspecionados posteriormente. Foram 80 sacos de lixo recolhidos com materiais e resíduos que possam acumular água e ser criadouro do mosquito.

Nesta área 41 agentes de endemias trabalharam no Mutirão, além de também estar recebendo a borrifação do fumacê.

Em ambos os bairros, os agentes também reduziram o risco de proliferação do Aedes Aegypti esvaziando e aplicando tratamento em caixas d’água em quintais, recipientes plásticos, vasos, ralos, tambores e outros.

 

 

 

 

 


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Nova massa de ar frio pode provocar queda histórica na temperatura

Compartilhe esta notícia!ANTÔNIO CRISPIM – ARAÇATUBA Este ano estão sendo registradas temperaturas atípicas em várias …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *