SOLIDÁRIO - Prefeito João Pandolfi demonstrou solidariedade às vítimas do coronavírus em discurso de posse

Pandolfi toma posse em Lins, se solidariza com vítimas da covid e diz que será intolerante à corrupção

Compartilhe esta notícia!

DIEGO FERNANDES – LINS

Com duração de pouco menos de duas horas, a sessão solene realizada na última sexta-feira (1), na Câmara Municipal de Lins, deu posse ao novo prefeito Dr. João Pandolfi (PP), ao vice, Dr. André Kodjaoglanian (PSD) e aos 15 vereadores eleitos no último dia 15 de novembro.

A sessão contou com a presença apenas dos eleitos e de profissionais da imprensa, devido às restrições preconizadas no combate à pandemia da covid-19. Por causa disso, apenas um representante de cada bancada partidária eleita pode discursar durante a posse dos parlamentares, sendo que cada um deles falou por 3 minutos.

No discurso de posse do prefeito João Pandolfi, que durou aproximadamente 7 minutos, o novo chefe do executivo linense lembrou das vítimas fatais da covid-19 no município e se solidarizou com as famílias.

“Não nos esqueçamos de todos aqueles que perderam suas vidas para o coronavírus. Portanto, a todas as famílias, meus mais sinceros sentimentos”, lamentou.

Pandolfi afirmou que seu governo não vai tolerar qualquer tipo de corrupção e disse que colocará “ordem na casa” a partir de agora.

“Reafirmo o combate a todas as formas de corrupção, não haverá tolerâncias aos desvios, desmandos, acertos, a essa odiosa prática que infelizmente vivenciamos na administração pública. O dinheiro é do povo e teremos a devida responsabilidade. Existirá trabalho e transparência em cada um dos atos praticados. Nós vamos colocar ordem na casa”, completou o novo prefeito.

O vice-prefeito, André Kodjaoglanian, fez discurso de 5 minutos onde falou sobre a decisão de interromper sua carreira na polícia para concorrer ao cargo.

“A decisão de interromper minha carreira na Polícia Federal no ápice e gozando de prestígio, para concorrer a um cargo eletivo foi uma escolha difícil, contudo, uma escolha consciente, por acreditar que ao lado de João Lopes Pandolfi, poderemos devolver para Lins nossos aprendizados adquiridos ao longo de nossas histórias”, disse.

André também falou sobre aplicar o “compliance” no serviço público, que é um termo utilizado no meio empresarial, que significa ter um conjunto de regras para evitar irregularidades.

“Faremos revisões nos contratos, implementar gradativamente o compliance no serviço público, estreitaremos as parcerias com os órgãos de controle em busca de conferir transparência nos atos e processos administrativos”, afirmou o vice-prefeito.

PP também terá o presidente da Câmara

Após a posse, em votação apertada, por 8 votos a 7, foi eleito o vereador Robson Peres (PP), do mesmo partido do prefeito João Pandolfi, como novo presidente da Câmara Linense. Ele disputou o posto com Edson Gabriel (SD), que foi o vereador mais votado das eleições de 15 de novembro de 2020.

Robson teve 449 votos no pleito do ano passado, enquanto Edson teve 1.259.

Além de Robson Peres, vão compor a mesa diretora da Câmara de Lins a vereadora Tânia Bueno (Republicanos), como vice-presidente; o parlamentar Damião de Souza (PL), como 1º secretário; além de Wesley Luís de Souza, o Wesley de Madureira (DEM), como 2º secretário.

A primeira sessão ordinária do ano da Câmara Municipal de Lins vai ocorrer no dia 1º de fevereiro.

Legenda: APERTADO – Novo presidente da Câmara, Robson Peres, foi eleito com votos de 8 dos 15 parlamentares

Compartilhe esta notícia!

Veja também

Ruas de bairros da zona oeste de Lins recebem serviço de tapa buraco

Compartilhe esta notícia!DIEGO FERNANDES – LINS Três ruas de três bairros próximos foram contempladas com …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *