Corpo é encontrado nu em córrego dentro de propriedade rural

Compartilhe esta notícia!

A DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de Araçatuba apura o que causou a morte de um homem encontrado nu, em estado de decomposição, em um córrego localizado em uma propriedade rural próxima à rodovia Marechal Rondon (SP-300), na tarde de quinta-feira (5).

De acordo com informações do boletim de ocorrência, policiais militares receberam denúncia anônima no Copom (Central de Operações da Polícia Militar) versando sobre o abandono de uma vítima de sequestro nas imediações.

Imediatamente, uma viatura da PM foi até a fazenda. Para acessá-la foi necessário chegar até o quilômetro 543 da Rondon, adentrar em uma estrada de terra, trafegar por mais quatro quilômetros até se chegar ao córrego da divisa. As equipes encontraram o corpo em um lugar conhecido como cachoeira do mosquito.

Foi necessário o acionamento do Corpo de Bombeiros para remover o cadáver da água, que já estava em estado avançado de decomposição. A área foi isolada até a chegada dos investigadores da Polícia Civil, além da perícia técnica.

Em uma primeira análise, o perito do Instituto de Criminalística informou que não havia nenhuma marca aparente de violência, mas que somente o exame necroscópico poderia afirmar com mais certeza.

O que chamou a atenção da polícia foi o fato do corpo estar nu. Algumas peças de roupas foram localizadas a alguns metros de distância do córrego e acabaram apreendidas para serem analisadas.

Até o fechamento dessa edição, a vítima ainda não havia sido identificada. O caso foi registrado como morte suspeita. Um inquérito foi aberto para dar andamento às investigações.


Compartilhe esta notícia!

Veja também

Prefeito reúne Procon e Sanesul para mediar situações conflitantes

Compartilhe esta notícia!DA REDAÇÃO – TRÊS LAGOAS Em reunião ocorrida na terça-feira (22), no gabinete …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *