15.1 C
Araçatuba
sábado, agosto 13, 2022

Shoppings registram aumento de público; Praça Nova teve acréscimo de 5% até aqui em julho

DIEGO FERNANDES – ARAÇATUBA

Mesmo com temperaturas quentes e o clima mais seco, o inverno tem sido de comemoração para os shoppings. Dados de um levantamento feito pela Alshop, Associação de Lojistas de Shopping, que possui mais de 40 mil associados, apontam que o movimento de pessoas nos centros de compras de todo o país já cresceu 15% desde o inverno em relação ao mesmo período do ano passado.

Um exemplo de aumento no movimento foi do Shopping Praça Nova, em Araçatuba. O local recebeu no mês de julho, até a última quarta-feira (20), 180 mil pessoas. O aumento é de pelo menos 5% no movimento para este período do ano, segundo a assessoria de marketing da empresa.

A chegada de novas lojas, além da exposição do Castelo Rá Tim Bum, são alguns dos motivos apontados pelo aumento do fluxo. 

Além disso, naturalmente, julho é um mês de maior movimento por causa das férias escolares, já que muitos pais aproveitam para passear nos centros de compras com os filhos, o que aumenta o consumo.

A Alshop espera um crescimento de até 7% nas vendas em todo o país. Já a movimentação no comércio como um todo deve representar cerca de R$ 13,76 bilhões entre o período de maio a agosto, segundo a CNC, Confederação Nacional do Comércio, Bens, Serviços e Turismo. 

Segundo Luís Augusto Ildefonso, diretor de relações institucionais da Alshop, o maior número de pessoas nos shoppings já era esperado pela associação.

“A recuperação de público já era esperada até mesmo em função do fim das restrições impostas pela pandemia e, agora, com as férias escolares e a retomada das áreas de lazer e exposições nos shoppings, mas notamos maior público nos shoppings, uma recuperação mais forte das áreas de alimentação e mesmo com a inflação um consumo mais forte”, explica.

Segundo ele, as vendas no inverno costumam ficar aquecidas mesmo sem o frio, como tem sido o caso do mês de julho em Araçatuba. Neste caso, para ele, a manutenção das promoções nas peças da estação, garantem as vendas.

“Muitos produtos são ofertados com descontos atrativos e praticamente a temporada de vendas já se inicia com liquidações. Se o período de dias com temperaturas baixas se prolongar, o comerciante pode manter os preços cheios elevando sua receita. Caso tenhamos alternância de dias frios com dias mais quentes os preços terão descontos ainda maiores”, ressaltou.

 

Ultimas Noticias